Criança faz iPhone ser bloqueado por 47 anos - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

Home Top Ad




Post Top Ad

Criança faz iPhone ser bloqueado por 47 anos

Foto: K?rlis Dambr?ns / Wikimedia)

Um recurso de segurança do iPhone causou grandes transtornos a uma mulher chinesa. O aparelho foi bloqueado e só vai ser liberado daqui a 47 anos, supostamente após a criança tentar digitar muitas vezes uma senha errada na tela de segurança.

De acordo com o South Morning China Post, a chinesa deu o iPhone para seu filho bebê assistir a vídeos educacionais. Mas a criança fez o aparelho ficar bloqueado por 25 milhões de minutos por tentar várias e várias vezes acessá-lo com uma senha errada.

Ao levar o aparelho para uma Apple Store, ela foi informada que tinha apenas duas saídas: ou formatar o iPhone e começar tudo do zero, ou então esperar os 47 anos para voltar a usar o aparelho. Obviamente, a segunda opção não é viável.

O técnico da Apple Store disse já ter visto casos de iPhones que pedem até 80 anos de espera para desbloqueio do aparelho, mas o caso da mulher chinesa é diferente por não existir nenhuma outra forma de liberar o aparelho além de apagar todos os dados que estão nele.


Vale notar que, apesar de todas as informações até o momento apontarem para a criança como causa do problema, existem alguns dados conflitantes. Esse tipo de erro é comum em aparelhos com defeito, com um problema de bateria ou em algum componente que faz com que a data do celular seja resetada, provavelmente para 1970. O jailbreak também pode facilitar problemas desse tipo.

Um iPhone saudável bloqueia a digitação de senhas por um minuto após a sexta tentativa; se houver mais uma tentativa falha de autenticação após isso, o aparelho é travado por cinco minutos. Na oitava tentativa, o tempo de espera é aumentado para 15 minutos. A ideia da Apple é que o aparelho seja definitivamente bloqueado após mais algumas tentativas erradas, e não exibir um timer de 25 milhões de minutos.

Via: Olhar Digital
08/03/2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe jornaldestaquebaixada@gmail.com

Post Bottom Ad

Pages