Defesa Civil de Queimados promove curso de proteção básica para estudantes de magistério - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

Home Top Ad




Post Top Ad

Defesa Civil de Queimados promove curso de proteção básica para estudantes de magistério


Fogo, lama, acidentes e muita força de vontade e superação. O pátio do CIEP 341, Sebastião Pereira Portes, no Bairro Santa Catarina, em Queimados, foi palco de muita adrenalina, durante toda esta segunda-feira (4). Cerca de 60 alunos da unidade de ensino realizaram a prova prática do Curso de Proteção Básica e Defesa Civil, ministrado por agentes da Secretaria de Defesa Civil do município, em parceria com o Corpo de Bombeiros.

Ao todo, foram 10 aulas teóricas, onde os alunos aprenderam um pouco mais sobre prevenção de acidentes domésticos e incêndios, noções de primeiros socorros e produtos perigosos e conceitos gerais de defesa Civil. Após toda adrenalina, os jovens participarão da cerimônia de formatura do curso, que será realizada na próxima segunda-feira (11), no Teatro Municipal Metodista (Av. Vereador Marinho Hemetério de Oliveira, s/n, Vila Pacaembu).

Desde 2017, cerca de 500 alunos já se formaram nos cursos oferecidos pela Defesa Civil de Queimados. O secretário da Pasta, Davi Brasil, destacou o objetivo da ação: “Aqui no CIEP nós queremos que os futuros professores de nosso município, estejam preparados para propagar o que aprenderam aqui para seus alunos. Nossa meta é trabalhar na prevenção. Queremos também ajudar na preparação do aluno como cidadão, destacou.

Após as aulas na comodidade da sala de aula, o último dia foi de muita exigência. Durante quase quatro horas, os adolescentes passaram por provas práticas de conhecimento e, a cada erro, tinham que “pagar” um exercício. Um mar de lama foi montado para os alunos e todos estavam obcecados em concluir o curso.

Com o lema “missão dada é missão cumprida”, todos os alunos concluíram o curso. Na última aula, os aprendizes passaram por Controle de pânico Noções de primeiros socorros, de acidentes domésticos (Risco com GLP – Gás Liquefeito de Petróleo), combate a incêndio com linha de mangueira e agentes extintores e cuidados com animais peçonhentos.

Wanderlei Pinheiro, 17, é recém-chegado de São Paulo e era um dos mais empolgados da turma. Fazia todos os exercícios e provas com dedicação e falou sobre a razão de escolher o curso: “Eu acho maravilhoso. Melhor ficar aqui, aprendendo algo útil, do que ficar na rua expostos às drogas e outras coisas. Eu sonho em ser militar e estas aulas reforçam ainda mais minha vontade”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe jornaldestaquebaixada@gmail.com

Post Bottom Ad

Pages