Responsive Ad Slot

MAIS RECENTES

Latest

POLÍTICA

Política

Polícia Civil

Polícia Civil

Polícia Militar

Polícia Militar

PRF

PRF

Polícia Federal

Polícia Federal

VIDEOS

Vídeos

Tecnologia

Tecnologia

Oportunidades

Doenças do outono: saiba como proteger a saúde dos idosos nesse período do ano

Nenhum comentário


Conhecida por ser uma estação do ano com significativas mudanças climáticas, é durante o outono que acontece uma transição de temperatura e aumento da umidade. Essas mudanças podem alterar e influenciar diretamente na saúde dos brasileiros, especialmente os idosos.

Pessoas nessa faixa etária são mais suscetíveis à doenças respiratórias, alergias e resfriados, por isso, a adoção de práticas de prevenção é uma saída para evitar tais enfermidades. Silvia Camila Marchiore, gerente técnica da Home Angels, maior rede de cuidadores de idosos supervisionados da América Latina, listou algumas dicas.

Hidratação: Um erro comum é associar hidratação somente no verão. A água é fundamental para o bom funcionamento dos órgãos e para a regulação da temperatura corporal. “Criar o hábito de ingerir líquidos antes mesmo de esperar ter sede é importante para que o idoso não corra riscos de desidratação. Por isso, o estímulo de ingestão de hora em hora, em pequenas quantidades, é um forte aliado para a hidratação correta”, afirma.

Alimentação balanceada: Essencial em qualquer estação do ano, o cuidado com a alimentação nesse período é crucial para o fortalecimento do sistema imunológico. Por isso, refeições com fartura em legumes, verduras e frutas são essenciais.




Roupas adequadas: A oscilação de temperaturas é comum, por isso atenção redobrada com as peças de roupas. “Principalmente pela manhã e à noite, é importante que idosos se mantenham aquecidos com peças confortáveis e de acordo com suas necessidades. Vale lembrar também do uso de meias com antiderrapantes e sapatos confortáveis”, destaca.




Monitorar a saúde: Exames regulares e visitas a especialistas são recomendados. Além disso, monitorar as condições crônicas, como pressão arterial e diabetes, também é importante. “A companhia de um cuidador de idosos para a administração correta de medicamentos e essas checagens de pressão e diabetes faz total diferença. Além de garantir a efetividade na prevenção e nos tratamentos de cada assistido, eles são ótimos acompanhantes nessa fase e que a maioria das pessoas sente grande solidão”, reforça Silvia.

Evento reúne profissionais de Belford Roxo que atuam nos equipamentos sociais da prefeitura

Nenhum comentário

Os três dias do encontro serão de trocas de ideias e aprendizados, visando o aprimoramento das ações

A Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Combate à Fome (Semascf) de Belford Roxo iniciou hoje (21) um encontro que reúne coordenadores, técnicos e diretores de equipamentos de atendimento social da prefeitura. O evento que continua nesta quarta-feira (22) e termina na quinta-feira (23), no auditório da Estação da Cidadania, sede da Secretaria, tem como objetivo estimular a prática educacional prevista na legislação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Mais de 200 profissionais devem participar.

A secretária municipal de Assistência Social, Cidadania e Combate à Fome, Clarice Santos, abriu o evento. Segundo ela, os três dias do encontro serão de trocas de ideias e aprendizados. "Vamos aflorar o nosso lado técnico e pessoal. A educação, assim como a tecnologia, estão sempre avançando. É preciso nos aprimorar para facilitar e otimizar o que praticamos no dia a dia. A troca de conhecimentos é sempre muito bom", disse.

A superintendente da Semascf, Carla Fernandes, explicou que além da troca de experiências, os profissionais vão participar de dinâmicas com simulações de atendimentos às famílias atendidas nos equipamentos sociais. "O sentido é trocar informações de casos ocorridos e melhorar no que for preciso", destacou.

Biblioteca Virtual

Durante o encontro, Clarice Santos anunciou e divulgou a criação da Biblioteca Virtual da Ssecretaria. Elaborada por técnicos da Superintendência de Assistência Social, Cidadania e Combate à Fome, o recurso, através de QR Code, visa facilitar e agilizar o acesso a conteúdos da legislação do SUAS, coletâneas de orientações técnicas, referências bibliográficas, entre outras utilidades.

Basta apontar a câmera de um celular para ampliar o código de leitura, disponível na bio do Instagram @semascfbr.

Motociclista é baleado e morto durante briga de trânsito em Mesquita, na Baixada Fluminense

Nenhum comentário

Um homem, ainda não identificado, morreu ao ser baleado durante uma briga de trânsito, na Região Metropolitana do Rio. 

O caso aconteceu na tarde desta terça-feira, (21/5), na Chatuba, no município de Mesquita, na Baixada Fluminense. A Samu, foi acionada por populares, mas quando os socorristas chegaram, o rapaz, já estava sem vida. 


A discussão teria se iniciado na rua Tupã e segundo testemunhas, um motorista sacou uma arma e atirou contra o rapaz, que morreu na hora. O condutor do carro fugiu.

A polícia militar foi chamada e isolou a cena do crime.

  TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

SEGUE TAMBÉM NOSSO TIKTOK AQUI 

Belford Roxo recebe veículo adaptado da SuperVia

Nenhum comentário

A Secretaria da Pessoa com Deficiência de Belford Roxo recebeu, nesta terça-feira (21/05), a doação de uma van adaptada pela SuperVia como parte do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público. O acordo garante a entrega dos veículos adaptados para a implementação da acessibilidade para cada um dos municípios que fazem parte do sistema ferroviário.

O veículo possui uma plataforma elevatória sendo totalmente adaptado para oferecer mais acessibilidade para pessoas com baixa mobilidade. Ela tem espaço para receber até quatro pessoas em cadeiras de rodas, contendo cintos de segurança adequados e travas.

A secretária da Pessoa Com Deficiência, Priscilla Jacob, afirmou que a van chegou em boa hora. “Quero agradecer ao Ministério Público por essa importante doação em prol da acessibilidade pela qual nós lutamos todos os dias”, frisou. “Tivemos uma conferência estadual no ano passado e foi necessário pedir ajuda a outras Secretarias para o transporte das nossas pessoas com deficiência. Mas agora nós temos a nossa própria van adaptada e estaremos sempre à disposição”, finalizou Priscilla.




A advogada da Supervia, Dayane Marins, destacou a importância da entrega da van, que irá ajudar as pessoas com mobilidade reduzida. “A Supervia se sente honrada de poder cumprir o acordo que foi feito junto ao Ministério Público. Estava conversando com a secretária e de fato sabemos que a van será muito útil”, afirmou Dayane.

Como se preparar e se comportar em uma entrevista de emprego

Nenhum comentário

Desenvolver habilidades e levar conhecimento aos jovens para que possam conquistar o primeiro emprego é uma das premissas da Prepara Cursos, rede de ensino profissionalizante, idiomas e cursos de graduação e pós-graduação que integra o Grupo MoveEdu. A marca tem 290 escolas espalhadas pelo Brasil, com 70 mil alunos ativos e mais de 1,5 milhão formados. Para quem é novato no mercado de trabalho, além de ter um bom currículo, é importante saber como lidar em uma entrevista para determinada vaga, seja ela pessoal ou online. Trata-se de uma oportunidade que traz uma chance de contratação, mas para isso é preciso se destacar dos demais candidatos. Para auxiliar nesta questão, o diretor nacional da Prepara Cursos, Camilo Carvalho, dá dicas de como se preparar, se portar e não deixar que erros comuns comprometam durante as perguntas.

Inicialmente, é recomendado fazer uma pesquisa para obter mais informações sobre a empresa e sua atuação. Neste caso, o site institucional conta com informações sobre missão, visão e valores da companhia, bem como o portfólio de produtos e serviços. Tais dados servem de insumo e podem auxiliar a demonstrar interesse e conhecimento no decorrer da entrevista. Também é importante ler com atenção a descrição do cargo pretendido e pensar em respostas prévias relacionadas ao mercado de atuação. Uma dica valiosa é praticar potenciais perguntas com os familiares ou amigos, articulando as palavras e procurando se expressar com o máximo de clareza.

“É provável que o entrevistador pergunte se você tem alguma questão a colocar sobre a empresa. Por isso, liste perguntas inteligentes e relevantes sobre a companhia, a equipe de trabalho, oportunidades de crescimento e a cultura organizacional, por exemplo. Outro ponto crucial é a roupa escolhida para a ocasião. Buscar se vestir de forma profissional faz toda a diferença, para causar uma primeira boa impressão. Mesmo que a empresa adote vestimentas mais casuais, recomendamos que sejam usadas roupas mais formais na entrevista. Por fim, seja pontual e leve algumas cópias do currículo e outros documentos, caso seja solicitado”, revela o executivo.

Como se comportar?

Uma das melhores formas de manter a comunicação eficiente com o entrevistador é olhar nos olhos. Evite distrações ou utilizar o celular durante o bate-papo, para poder demonstrar interesse genuíno na vaga. Cumprimente o entrevistador, seja educado e sorria, pois tais ações demonstram respeito e confiança. Use palavras como “por favor” e “obrigado ou obrigada” ao responder às perguntas. Além disso, escute atentamente o que o recrutador está dizendo e mostre interesse. Destaque as hard skills, soft skills e realizações de forma objetiva, dando exemplos sempre que possível. A conversa precisa de entusiasmo, ou seja, é interessante destacar o que te atrai no cargo e de que forma você pode contribuir para o crescimento do negócio.

O que evitar?

Se atrasar é algo não recomendado em uma entrevista de emprego. Assim, é imprescindível chegar ao local com antecedência. Evite usar uma linguagem muito informal e gírias, que não vão contribuir para este momento. A linguagem corporal também é importante, mas em alguns casos pode passar uma mensagem negativa, demonstrando nervosismo excessivo. Por isso, procure não cruzar os braços, olhar para baixo ou falar de maneira monótona e mecanizada.

Conte mais sobre você!

Embora pareça uma pergunta ampla, você precisa focar em responder algo relacionado à vida profissional e complementar as informações que estão no currículo. Vale ressaltar que os recrutadores não estão esperando que o candidato responda sobre a sua vida escolar ou viagens em família, por exemplo. É preciso ser objetivo e saber o que é interessante destacar durante a entrevista. Uma das perguntas básicas dos entrevistadores é saber como o candidato se vê daqui alguns anos. Use esse espaço para falar sobre as perspectivas futuras, além de planos e projetos que estão no radar profissional. Mas evite dar respostas muito fora da realidade do mercado, uma vez que isso pode dar a impressão de que são ideias vagas e aleatórias.

Emprego anterior

Para esse tipo de pergunta, não perca tempo falando mal ou reclamando da empresa em que estava ou está trabalhando. Essa atitude pode revelar traços da sua personalidade e te afastar da contratação. Foque em destacar seus interesses pelo crescimento profissional, sua intenção de buscar novas oportunidades ou, até mesmo, de mudar de ambiente de trabalho.

Como você se define profissionalmente?

É preciso ter criatividade para fugir do clichê e responder algo como “sou dedicado” ou “sou perfeccionista”. Os entrevistadores já esperam essas características de um candidato, portanto, tente pensar fora da caixa ao responder a essa pergunta. Assim, demonstrará criatividade e autenticidade, particularidades que podem ser diferenciais na contratação.

“Quando a entrevista está terminando, a principal questão é verificar se o candidato tem alguma pergunta. Muitos entrevistados acreditam que não é preciso perguntar nada, mas é exatamente o contrário. É importante utilizar esse espaço para tirar dúvidas pertinentes a respeito da vaga, como horário de trabalho, turnos etc. Este é o momento para descobrir informações que podem te motivar ou não a seguir tentando ingressar na empresa, por isso não tenha medo e tire as suas dúvidas. E se você não quer perder a oportunidade de se destacar em uma entrevista de emprego, prepare-se e utilize as dicas listadas para surpreender os recrutadores”, finaliza Camilo Carvalho.

Ataque a tiros em um bar termina com três mortos e quatro feridos em Belford Roxo

Nenhum comentário

A Polícia Civil investiga um ataque a tiros que terminou com três pessoas mortas e outras quatro feridas, na noite desta segunda-feira (20/5). 

Os homens estavam no estabelecimento da comunidade Vila Pauline, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, quando foram supreendidos.

As vítimas baleadas tinham costumes de está no local jogando baralho e segundo informações iniciais, não tinham envolvimento com o crime.


Testemunhas contaram aos policiais que os bandidos ligados ao tráfico, já chegaram atirando e eles estavam num carro preto. 

As investigações estão a cargo da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF). A polícia ainda busca a motivação do crime.


 TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

SEGUE TAMBÉM NOSSO TIKTOK AQUI 

Mamógrafo móvel atende em São João de Meriti, na Baixada, até este sábado (25)

Nenhum comentário

A Prefeitura de São João de Meriti, em parceria com o Governo do Estado do Rio de Janeiro, iniciou os atendimentos de mamografia e ultrassonografia do Mamógrafo Móvel. Ele está localizado na Praça da Matriz, Centro do município até sábado, 25/5, das 8h às 17h.

A mastologista e coordenadora do Centro de Prevenção e Diagnóstico em Oncologia, Drª Cristina Fidalgo, reforçou que a precaução é essencial para a saúde feminina: “O câncer de mama tem cura, desde que seja diagnosticado precocemente. Para isso é necessário realizar os exames disponíveis aqui com regularidade, mesmo que estejamos assintomáticas, ou seja, sem nenhum sintoma na mama”, explicou ela. Por dia, são oferecidas gratuitamente 80 mamografias e 70 ultrassonografias em quatro modalidades: pélvica, tireoide, mama e transvaginal com e sem doppler.

Para a realização dos exames é necessário agendar na Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc), localizada na Rua Valério Vilas Boas, 11 - Centro de São João de Meriti, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. As pacientes devem levar a identidade com foto, cartão SUS e comprovante de residência, todos com cópia. Além de apresentarem também o pedido médico original.

A cuidadora de idosos Tânia do Nascimento, 55 anos, entende a importância do serviço para o público feminino: “A mamografia é essencial, principalmente na minha idade. Nós temos que aproveitar oportunidades como essa. Fui muito bem recebida, todos os funcionários são muito agradáveis. Espero que as pessoas venham e aproveitem o Mamógrafo Móvel para não serem pegas de surpresa por uma doença”. A camelô Adriana Soares, de 49 anos, foi surpreendida pelo rápido atendimento e aconselhou as meritenses: “Foi ótimo, gostei muito. Não pensei que faria hoje, mas consegui e amei. Graças a Deus estão ajudando as pessoas aqui. Quem tá precisando fazer mamografia venha, temos sempre que fazer o diagnóstico para a prevenção!”. Silvana Bezerra, dona de casa, de 39 anos, também deixou o seu incentivo: “Eu recomendo que todas as mulheres venham fazer o exame que, além de ser muito importante, é ótimo. Foi a primeira vez que eu vim, é rápido e o resultado sai em até 15 dias. Tudo aqui está de parabéns”.

As mamografias podem ser feitas por mulheres de qualquer idade, mas as ultrassonografias de mama só são realizadas em pessoas acima de 40 anos de idade e com laudo de mamografia de até um ano.

Bandido armado invade bilheteria e assalta funcionários da SuperVia

Nenhum comentário
Homem armado invade bilheteria e assalta colaboradores da SuperVia em Anchieta
Foto Ilustrativa

Dois colaboradores da SuperVia foram rendidos e assaltados, por volta das 7h40 de hoje (21/05), na estação Anchieta. Um homem armado foi até a bilheteria do local e levou pertences, como celulares e objetos pessoais, da bilheteira e do agente de controle. Cerca de R$ 1.409 também foram roubados.

Assim que foi constatado o assalto, os funcionários da segurança acionaram o Grupamento de Policiamento Ferroviário (GPFer). O caso será registrado na delegacia da região.

"A SuperVia lamenta o episódio e reforça que adota todas as medidas possíveis para garantir a integridade de seus colaboradores". disse a empresa.



Conheça os mitos e verdades sobre as cirurgias bariátricas

Nenhum comentário

Existem mais de 41 milhões de pessoas vivendo com a obesidade no Brasil, um dos índices mais altos do mundo. Longe de ser apenas uma questão estética ou comportamental, a obesidade é vista pela medicina como uma doença crônica, progressiva e recidivante.

“Falar para o obeso parar de comer é como pedir a uma pessoa com depressão para ser mais feliz ou com alguém com asma respirar melhor. A obesidade não é culpa do paciente, mas uma doença que requer tratamento”, alerta o cirurgião bariátrico Felipe Rossi, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

De acordo com o médico, a obesidade é uma doença multifatorial com fundo genético que piora com o tempo, levando a sequelas e enfermidades graves, como o diabetes, a hipertensão arterial e o câncer, por exemplo.

“Estamos falando de uma séria questão de saúde pública com impactos negativos na saúde física, mental e qualidade de vida do paciente. Além disso, há também um grande déficit para os cofres públicos, uma vez que a obesidade leva a outras doenças e ainda pode incapacitar as pessoas”, informa.

Diferentemente do que se acreditava no passado, a medicina reconhece que a reeducação alimentar e a prática regular de exercícios físicos não são a melhor solução para tratar esse tipo de enfermidade. Segundo o Dr. Rossi, estudos mostram que de cada 100 pessoas com obesidade, só 5 terão sucesso recorrendo à mudança de hábitos alimentares e inclusão de atividade física na rotina. E mais: após 3 anos, apenas uma ou duas pessoas conseguem manter o peso perdido em razão da mudança no estilo de vida.

Atualmente para tratar a obesidade existem opções medicamentosas e a cirurgia bariátrica. Apesar de estar disponível no SUS, apenas 0,2% dos brasileiros com obesidade grave (graus 2 e 3) conseguiram realizar a cirurgia bariátrica via rede pública devido à alta demanda.

Tão seguras quanto uma cesariana ou cirurgia de retirada de vesícula, as cirurgias bariátricas, quando bem indicadas e executadas por uma equipe treinada, são uma excelente opção para o tratamento da obesidade grave e de suas complicações.

Para esclarecer algumas questões relacionadas à cirurgia bariátrica, o Dr. Felipe Rossi elenca abaixo alguns mitos e verdades sobre esse procedimento minimamente invasivo que transforma a vida dos pacientes com obesidade.

Pessoas superobesas e com tratamento prévio podem fazer a cirurgia bariátrica. Mito.

A cirurgia bariátrica é indicada para pacientes com IMC (Índice de Massa Corpórea) entre 35 kg/m2 e 40 kg/m2 desde que apresentem uma comorbidade e já tenham recorrido sem sucesso a outra forma de tratamento. O procedimento também é recomendado para pacientes com IMC acima de 40 kg/m2, independentemente de ter uma comorbidade associada ou não. Já aqueles com IMC acima de 50 kg/m2 não requerem comprovação de tratamento prévio para estarem aptos ao procedimento. Por outro lado, a cirurgia metabólica é liberada para paciente com obesidade grau I e portadores de diabetes.

* O IMC é parâmetro adotado pela Organização Mundial de Saúde para calcular o peso ideal de cada pessoa, e é calculadora dividindo o peso (em kg) pela altura ao quadrado (em m).

Crianças não podem ser submetidas a uma cirurgia bariátrica. Verdade.

No Brasil, o procedimento é autorizado para pacientes entre 16 anos e 65 anos. No entanto, é possível, segundo o Dr. Felipe Rossi, operar pacientes idosos, desde que sejam avaliados de forma criteriosa e com menos de 16 anos, mas com restrições. Isso porque com o envelhecimento da população, as pessoas vivem mais, e a cirurgia bariátrica traz benefícios para a saúde destes indivíduos.

A obesidade está relacionada apenas a hábitos inadequados de vida. Mito.

“Esse é um estigma que precisamos combater. Precisamos tirar a culpa do paciente quando falamos de obesidade”, ressalta o cirurgião bariátrico. A obesidade é uma doença crônica que requer tratamento com acompanhamento multidisciplinar por toda vida. “Não é preguiça. Também não se trata de simplesmente fechar a boca como muitos pacientes costumam ouvir”, reitera o especialista.

Existem diferentes técnicas para a realização da cirurgia bariátrica. Verdade.

O Bypass Gástrico é uma das técnicas mais usados no país e consiste na redução do tamanho do estômago combinada com um desvio de uma parte do intestino. Além de comer menos, o paciente tem diminuída a absorção de alimentos. O procedimento é minimamente invasivo e feito por videolaparoscopia, por isso quase não deixa marcas.

Já o Sleeve Gástrico, que também pode ser feito de forma minimamente invasiva, por vídeo com pequenas incisões no abdômen, corta o estômago em sentido vertical, tirando todo o fundo e a grande curvatura gástrica.

Por serem minimamente invasivas, com pequenas incisões, ao contrário das cirurgias abertas, ambas as técnicas reduzem a possibilidade de complicações, possibilitam alta hospitalar precoce e causam menos dor aos pacientes.

Ambos os procedimentos também levam a alterações de hormônios gastrointestinais que minimizam a fome, aumenta a saciedade e melhoram as comorbidades.

O reganho de peso após a cirurgia bariátrica é comum. Mito.

Como toda doença crônica, a obesidade irá acompanhar o paciente por toda a vida. A bariátrica não é um procedimento mágico, mas exige que o paciente mude seu estilo de vida. É comum o paciente perder bastante peso nos primeiros meses após a intervenção e depois estabilizar. Embora o reganho de peso possa acontecer, ele é incomum, acometendo entre 20% e 30% das pessoas operadas.

Os novos medicamentos para emagrecer irão substituir a cirurgia bariátrica. Mito.

Hoje a medicina reconhece que o uso de determinados medicamentos que levam à perda de peso, como os análogos do GLP-1, podem ser associados à cirurgia bariátrica, como terapias combinadas. “Hoje tratamentos alguns casos de câncer com diferentes abordagens, esse é o futuro do tratamento da obesidade”, pondera o Dr. Rossi.

Noite sangrenta: Homens são executados durante tiroteio em Belford Roxo

Nenhum comentário

Três homens foram mortos a tiros numa comunidade de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, na noite desta segunda-feira (20/5).

De acordo com informações iniciais, um grupo armado, envolvido com o tráfico de drogas, invadiu a Comunidade da Caixa D'água, em Vila Pauline e atirou contra as vítimas, que foram surpreendidas e morreram na hora.

A Delegacia de Homicídios da Baixada (DHBF), deve assumir as investigações.

   TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

SEGUE TAMBÉM NOSSO TIKTOK AQUI 

Homem é preso em Belford Roxo suspeito de furto qualificado

Nenhum comentário


Policiais civis da 54ª DP (Belford Roxo) prenderam, nesta segunda-feira (20/05), um homem suspeito do crime de furto qualificado.

Ele foi capturado pelos agentes em Belford Roxo, na Baixada Fluminense.

A prisão ocorreu após monitoramento do setor de inteligência da distrital e diligências de campo. Contra o acusado, foi cumprido mandado de prisão pelo delito.

Homem é preso na Baixada Fluminense acusado de matar outro a facadas após discussão por troco

Nenhum comentário

Policiais civis da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) prenderam um homem suspeito de matar a vítima com diversas facadas. Segundo apurado, a motivação do crime foi um desentendimento por causa de um troco em dinheiro. O acusado foi capturado em Magé, na Baixada Fluminense, após cruzamento de dados de inteligência da distrital e diligências de campo dos agentes, nesta quinta-feira (16/05).

De acordo com as investigações, a vítima e o autor do crime se conheciam e frequentavam o mesmo depósito de bebidas. O motivo da discussão entre os dois foi por causa do pagamento de uma conta. Segundo apurado, a vítima alegou que o autor havia recebido troco a mais da proprietária do estabelecimento. O acusado pelo delito, então, foi até a sua residência e retornou com uma faca, buscando vingança pela fala do homem.

O crime ocorreu em março deste ano, no bairro Parque Baia Branca, em Magé. De acordo com os agentes, a vítima recebeu seis facadas na região do rosto e do tórax. A proprietária do depósito de bebidas presenciou as agressões e prestou depoimento na delegacia.

Em Belford Roxo, ruas do bairro Recantus recebem asfalto

Nenhum comentário

A Prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria Municipal de Obras, Projetos, Captação de Recursos e Convênios, está realizando obras de asfaltamento no bairro Recantus. A rua Babi foi a primeira a receber o asfalto, enquanto as ruas Solidão e Comercial serão as próximas a serem contempladas.

Na segunda-feira (20/05), a equipe de obras pavimentou toda a parte final da rua Babi, até a esquina com a rua Comercial, sendo usados em torno de 200 toneladas de asfalto. O objetivo é pavimentar a região inteira, a começar pelas transversais da rua Comercial.
© 2015 - 2022 Jornal Destaque Baixada. Todos os direitos reservados
Destaque Baixada Jornal para ler e compartilhar