Responsive Ad Slot

Mostrando postagens classificadas por data para a consulta saúde. Ordenar por relevância Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens classificadas por data para a consulta saúde. Ordenar por relevância Mostrar todas as postagens

Belford Roxo oferece aulas grátis de pilates

Nenhum comentário

quarta-feira, maio 22, 2024


A Vila Olímpica de Belford Roxo vem realizando aulas de pilates todas às quartas e sextas-feiras com diversos horários disponíveis entre às 7h e 11h. O pilates é um exercício que reforça a postura física, promove o fortalecimento muscular e dá uma maior flexibilidade corporal, tudo por meio de simples atividades de força e equilíbrio com repetições.

A vila olímpica está de portas abertas para quem se interessar em praticar atividades físicas e até treinar para alguma competição. O complexo esportivo é um dos maiores da Baixada Fluminense e oferece o acesso a mais de 25 modalidades esportivas à população. A partir dos seis anos de idade já pode se matricular em qualquer tipo de atividade disponível no local.

Todas as atividades são oferecidas gratuitamente. Para se matricular, sendo menor de idade, é necessário: um adulto presente com documento para assinar; certidão de nascimento ou RG; comprovante de residência; declaração de escolaridade; uma foto 3×4 para cada atividade desejada e atestado médico. E sendo maior de idade é necessário: carteira de identidade; comprovante de residência; uma foto 3×4 para cada atividade desejada e atestado médico.

Problema na coluna



Geonece da Silva, 60 anos, diz que participa das aulas de pilates já faz 6 anos. “Acho muito importante para a saúde em geral. Eu estava com muitos problemas na coluna, estava com bico de papagaio, artrose e desde que comecei a fazer, melhorei muito", contou. "Meu marido vinha comigo, mas ficava só olhando, até que a professora o chamou e agora nós sempre participamos juntos”, finalizou Geonece.

O marido de Geonoce, Vanderlei Alves, 55, contou que faz pilates há 4 anos e recomendou a todos que se matriculem nas aulas. “Meu corpo está muito melhor. Agora me sinto bem e até mais animado para trabalhar", relatou. "Às vezes até para pegar as coisas do chão era ruim. Ou fazer alguns movimentos que antes eram difíceis, hoje ficam mais fáceis de fazer”, finalizou Vanderlei.

A Vila Olímpica fica na Rua Lecílio, s/n, bairro Nova Piam,

Garrafas d'água reutilizáveis pedem cuidados redobrados contra bactérias

Nenhum comentário

Garrafas de água reutilizáveis são cada vez mais comuns, seja por apelo ecológico, economia ou praticidade. Porém, alguns cuidados são necessários para evitar complicações à saúde. Isso porque essas garrafas, se não higienizadas corretamente, podem conter várias bactérias prejudiciais. A seguir, o Dr. Matias Chiarastelli Salomão, infectologista do Fleury Medicina e Saúde, esclarece as principais dúvidas sobre os cuidados que deve ter e alerta: “superfícies arranhadas ou amassadas favorecem o aumento de bactérias por criar uma área onde elas podem grudar e resistir à limpeza. Portanto, devemos evitar o uso de garrafas danificadas”, explica.

Quais bactérias podem ser encontradas em garrafas reutilizáveis?

Várias. Mas, nem todas as bactérias são nocivas para saúde e convivemos com diferentes delas em nosso organismo. Ou seja, em contato com essas garrafas, podemos encontrar bactérias que vivem em nossa boca, como a do gênero Streptococcus, mas também bactérias gram-negativas, que são associadas a uma série de patologias, como infecções intestinais e urinárias e meningite, por exemplo. Outras bactérias que podem ser encontradas nesses recipientes reutilizáveis são as que vivem em nossa pele, podendo contaminar o objeto durante a manipulação. Por fim, podemos encontrar bactérias que vivem normalmente na água e não foram filtradas.

Como higienizar esses recipientes?

Para a higienização adequada de uma garrafa reutilizável, recomenda-se a limpeza diária com água quente e detergente. A limpeza pode ser feita até em máquina de lavar louças, caso o material seja compatível. É importante lembrar de desmontar a garrafa para uma melhor higienização.

Qual garrafa é mais indicada? De plástico, vidro ou de metal?

As garrafas de vidro ou metal são mais tolerantes ao processo de higienização do que as garrafas de plástico. Também é indicado as garrafas do tipo squeeze, pois geralmente têm menos bactérias no bocal do que garrafas com canudo dobrável ou de tampa de rosca.

Higiene, sempre!

A higiene das mãos é sempre recomendável antes de pegar qualquer recipiente que seja levado à boca – seja garrafa reutilizável ou não, além de copos e latas. Logo, não basta higienizar somente esses objetos, mas também as mãos.

Doenças do outono: saiba como proteger a saúde dos idosos nesse período do ano

Nenhum comentário

terça-feira, maio 21, 2024



Conhecida por ser uma estação do ano com significativas mudanças climáticas, é durante o outono que acontece uma transição de temperatura e aumento da umidade. Essas mudanças podem alterar e influenciar diretamente na saúde dos brasileiros, especialmente os idosos.

Pessoas nessa faixa etária são mais suscetíveis à doenças respiratórias, alergias e resfriados, por isso, a adoção de práticas de prevenção é uma saída para evitar tais enfermidades. Silvia Camila Marchiore, gerente técnica da Home Angels, maior rede de cuidadores de idosos supervisionados da América Latina, listou algumas dicas.

Hidratação: Um erro comum é associar hidratação somente no verão. A água é fundamental para o bom funcionamento dos órgãos e para a regulação da temperatura corporal. “Criar o hábito de ingerir líquidos antes mesmo de esperar ter sede é importante para que o idoso não corra riscos de desidratação. Por isso, o estímulo de ingestão de hora em hora, em pequenas quantidades, é um forte aliado para a hidratação correta”, afirma.

Alimentação balanceada: Essencial em qualquer estação do ano, o cuidado com a alimentação nesse período é crucial para o fortalecimento do sistema imunológico. Por isso, refeições com fartura em legumes, verduras e frutas são essenciais.




Roupas adequadas: A oscilação de temperaturas é comum, por isso atenção redobrada com as peças de roupas. “Principalmente pela manhã e à noite, é importante que idosos se mantenham aquecidos com peças confortáveis e de acordo com suas necessidades. Vale lembrar também do uso de meias com antiderrapantes e sapatos confortáveis”, destaca.




Monitorar a saúde: Exames regulares e visitas a especialistas são recomendados. Além disso, monitorar as condições crônicas, como pressão arterial e diabetes, também é importante. “A companhia de um cuidador de idosos para a administração correta de medicamentos e essas checagens de pressão e diabetes faz total diferença. Além de garantir a efetividade na prevenção e nos tratamentos de cada assistido, eles são ótimos acompanhantes nessa fase e que a maioria das pessoas sente grande solidão”, reforça Silvia.

Mamógrafo móvel atende em São João de Meriti, na Baixada, até este sábado (25)

Nenhum comentário

A Prefeitura de São João de Meriti, em parceria com o Governo do Estado do Rio de Janeiro, iniciou os atendimentos de mamografia e ultrassonografia do Mamógrafo Móvel. Ele está localizado na Praça da Matriz, Centro do município até sábado, 25/5, das 8h às 17h.

A mastologista e coordenadora do Centro de Prevenção e Diagnóstico em Oncologia, Drª Cristina Fidalgo, reforçou que a precaução é essencial para a saúde feminina: “O câncer de mama tem cura, desde que seja diagnosticado precocemente. Para isso é necessário realizar os exames disponíveis aqui com regularidade, mesmo que estejamos assintomáticas, ou seja, sem nenhum sintoma na mama”, explicou ela. Por dia, são oferecidas gratuitamente 80 mamografias e 70 ultrassonografias em quatro modalidades: pélvica, tireoide, mama e transvaginal com e sem doppler.

Para a realização dos exames é necessário agendar na Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc), localizada na Rua Valério Vilas Boas, 11 - Centro de São João de Meriti, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. As pacientes devem levar a identidade com foto, cartão SUS e comprovante de residência, todos com cópia. Além de apresentarem também o pedido médico original.

A cuidadora de idosos Tânia do Nascimento, 55 anos, entende a importância do serviço para o público feminino: “A mamografia é essencial, principalmente na minha idade. Nós temos que aproveitar oportunidades como essa. Fui muito bem recebida, todos os funcionários são muito agradáveis. Espero que as pessoas venham e aproveitem o Mamógrafo Móvel para não serem pegas de surpresa por uma doença”. A camelô Adriana Soares, de 49 anos, foi surpreendida pelo rápido atendimento e aconselhou as meritenses: “Foi ótimo, gostei muito. Não pensei que faria hoje, mas consegui e amei. Graças a Deus estão ajudando as pessoas aqui. Quem tá precisando fazer mamografia venha, temos sempre que fazer o diagnóstico para a prevenção!”. Silvana Bezerra, dona de casa, de 39 anos, também deixou o seu incentivo: “Eu recomendo que todas as mulheres venham fazer o exame que, além de ser muito importante, é ótimo. Foi a primeira vez que eu vim, é rápido e o resultado sai em até 15 dias. Tudo aqui está de parabéns”.

As mamografias podem ser feitas por mulheres de qualquer idade, mas as ultrassonografias de mama só são realizadas em pessoas acima de 40 anos de idade e com laudo de mamografia de até um ano.

Conheça os mitos e verdades sobre as cirurgias bariátricas

Nenhum comentário

Existem mais de 41 milhões de pessoas vivendo com a obesidade no Brasil, um dos índices mais altos do mundo. Longe de ser apenas uma questão estética ou comportamental, a obesidade é vista pela medicina como uma doença crônica, progressiva e recidivante.

“Falar para o obeso parar de comer é como pedir a uma pessoa com depressão para ser mais feliz ou com alguém com asma respirar melhor. A obesidade não é culpa do paciente, mas uma doença que requer tratamento”, alerta o cirurgião bariátrico Felipe Rossi, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

De acordo com o médico, a obesidade é uma doença multifatorial com fundo genético que piora com o tempo, levando a sequelas e enfermidades graves, como o diabetes, a hipertensão arterial e o câncer, por exemplo.

“Estamos falando de uma séria questão de saúde pública com impactos negativos na saúde física, mental e qualidade de vida do paciente. Além disso, há também um grande déficit para os cofres públicos, uma vez que a obesidade leva a outras doenças e ainda pode incapacitar as pessoas”, informa.

Diferentemente do que se acreditava no passado, a medicina reconhece que a reeducação alimentar e a prática regular de exercícios físicos não são a melhor solução para tratar esse tipo de enfermidade. Segundo o Dr. Rossi, estudos mostram que de cada 100 pessoas com obesidade, só 5 terão sucesso recorrendo à mudança de hábitos alimentares e inclusão de atividade física na rotina. E mais: após 3 anos, apenas uma ou duas pessoas conseguem manter o peso perdido em razão da mudança no estilo de vida.

Atualmente para tratar a obesidade existem opções medicamentosas e a cirurgia bariátrica. Apesar de estar disponível no SUS, apenas 0,2% dos brasileiros com obesidade grave (graus 2 e 3) conseguiram realizar a cirurgia bariátrica via rede pública devido à alta demanda.

Tão seguras quanto uma cesariana ou cirurgia de retirada de vesícula, as cirurgias bariátricas, quando bem indicadas e executadas por uma equipe treinada, são uma excelente opção para o tratamento da obesidade grave e de suas complicações.

Para esclarecer algumas questões relacionadas à cirurgia bariátrica, o Dr. Felipe Rossi elenca abaixo alguns mitos e verdades sobre esse procedimento minimamente invasivo que transforma a vida dos pacientes com obesidade.

Pessoas superobesas e com tratamento prévio podem fazer a cirurgia bariátrica. Mito.

A cirurgia bariátrica é indicada para pacientes com IMC (Índice de Massa Corpórea) entre 35 kg/m2 e 40 kg/m2 desde que apresentem uma comorbidade e já tenham recorrido sem sucesso a outra forma de tratamento. O procedimento também é recomendado para pacientes com IMC acima de 40 kg/m2, independentemente de ter uma comorbidade associada ou não. Já aqueles com IMC acima de 50 kg/m2 não requerem comprovação de tratamento prévio para estarem aptos ao procedimento. Por outro lado, a cirurgia metabólica é liberada para paciente com obesidade grau I e portadores de diabetes.

* O IMC é parâmetro adotado pela Organização Mundial de Saúde para calcular o peso ideal de cada pessoa, e é calculadora dividindo o peso (em kg) pela altura ao quadrado (em m).

Crianças não podem ser submetidas a uma cirurgia bariátrica. Verdade.

No Brasil, o procedimento é autorizado para pacientes entre 16 anos e 65 anos. No entanto, é possível, segundo o Dr. Felipe Rossi, operar pacientes idosos, desde que sejam avaliados de forma criteriosa e com menos de 16 anos, mas com restrições. Isso porque com o envelhecimento da população, as pessoas vivem mais, e a cirurgia bariátrica traz benefícios para a saúde destes indivíduos.

A obesidade está relacionada apenas a hábitos inadequados de vida. Mito.

“Esse é um estigma que precisamos combater. Precisamos tirar a culpa do paciente quando falamos de obesidade”, ressalta o cirurgião bariátrico. A obesidade é uma doença crônica que requer tratamento com acompanhamento multidisciplinar por toda vida. “Não é preguiça. Também não se trata de simplesmente fechar a boca como muitos pacientes costumam ouvir”, reitera o especialista.

Existem diferentes técnicas para a realização da cirurgia bariátrica. Verdade.

O Bypass Gástrico é uma das técnicas mais usados no país e consiste na redução do tamanho do estômago combinada com um desvio de uma parte do intestino. Além de comer menos, o paciente tem diminuída a absorção de alimentos. O procedimento é minimamente invasivo e feito por videolaparoscopia, por isso quase não deixa marcas.

Já o Sleeve Gástrico, que também pode ser feito de forma minimamente invasiva, por vídeo com pequenas incisões no abdômen, corta o estômago em sentido vertical, tirando todo o fundo e a grande curvatura gástrica.

Por serem minimamente invasivas, com pequenas incisões, ao contrário das cirurgias abertas, ambas as técnicas reduzem a possibilidade de complicações, possibilitam alta hospitalar precoce e causam menos dor aos pacientes.

Ambos os procedimentos também levam a alterações de hormônios gastrointestinais que minimizam a fome, aumenta a saciedade e melhoram as comorbidades.

O reganho de peso após a cirurgia bariátrica é comum. Mito.

Como toda doença crônica, a obesidade irá acompanhar o paciente por toda a vida. A bariátrica não é um procedimento mágico, mas exige que o paciente mude seu estilo de vida. É comum o paciente perder bastante peso nos primeiros meses após a intervenção e depois estabilizar. Embora o reganho de peso possa acontecer, ele é incomum, acometendo entre 20% e 30% das pessoas operadas.

Os novos medicamentos para emagrecer irão substituir a cirurgia bariátrica. Mito.

Hoje a medicina reconhece que o uso de determinados medicamentos que levam à perda de peso, como os análogos do GLP-1, podem ser associados à cirurgia bariátrica, como terapias combinadas. “Hoje tratamentos alguns casos de câncer com diferentes abordagens, esse é o futuro do tratamento da obesidade”, pondera o Dr. Rossi.

Belford Roxo realiza mutirão de doenças respiratórias com exame de espirometria

Nenhum comentário

segunda-feira, maio 20, 2024



A Prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria de Saúde, em parceria com a empresa Boehringer Ingelheim, realizou nesta segunda-feira (20-05), o primeiro dia do mutirão para doenças respiratórias por meio do exame de Espirometria, na Policlínica de Areia Branca. A ação continuará até a quinta-feira (23).

O exame de Espirometria, também conhecido como “exame do sopro”, avalia a função pulmonar e tomografia do pulmão, para que dessa forma seja realizado a análise para o diagnóstico de doenças respiratórias. Para a realização do exame, é preciso passar por consulta nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) que farão o encaminhamento à avaliação, caso seja necessário.

Exame técnico

No local, os pacientes passarão pela triagem com médicos e enfermeiros da atenção básica para então partirem para o exame técnico de espirometria. Se houver a necessidade, de uma tomografia ou de uma consulta com a pneumologista, o paciente pode receber uma prescrição médica ou ser encaminhado para vacinação. Ele retornará à atenção básica para outra verificação, podendo ser liberado para outra especialidade. Em alguns casos o paciente já sai com uma guia LME (Laudo de Medicamentos Especializados) para pegar os medicamentos na farmácia estadual.

O presidente do Fundo Municipal de Saúde, Carlos Andrade, declarou que o mutirão é um marco para a saúde Belford Roxo. “Essa é uma iniciativa que disponibilizamos para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), o procedimento do exame de espirometria”, frisou. “Buscamos trazer para a nossa rede os pacientes que estão na fila de espera para que possam receber o tratamento. Essa é uma das nossas políticas de governo”, afirmou Carlos.

Pacientes com DPOC

A pneumologista Roberta Gomes explicou sobre a importância do mutirão. “Nós buscamos fazer o diagnóstico de pacientes com DPOC (Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica), pois quase 45% das pessoas só descobrem que têm alguma doença quando é hospitalizada”, frisou. “Então, aqui nós os avaliamos para que eles, após serem diagnosticados, possam iniciar algum tratamento o quanto antes”, finalizou Roberta.

A moradora do bairro Sargento Roncalli, Maria de Fátima, 61 anos, contou que foi muito bem atendida. “Fumei por muito tempo, mas já faz uns 4 anos que não coloco um cigarro na boca, pois tenho uma alergia que me dá muita falta de ar. A minha médica me indicou fazer o exame”, frisou Maria. “Eu tive pneumonia na época do COVID e fiquei sabendo que seria bom vir fazer esses exames aqui. Acho muito importante que cuidemos da nossa saúde”, afirmou a moradora do Xavantes, Hilma Soares, 76.

Confira 6 dicas para evitar manchas nos dentes após o clareamento

Nenhum comentário

Após conquistar um sorriso mais branco e radiante por meio do clareamento dental, é hora de preservá-lo com cuidados específicos. A técnica, embora simples, exige atenção para evitar potenciais contratempos, como o surgimento de manchas.

“No clareamento, os dentes são cobertos por uma camada de esmalte e dentina que, diferentemente do que se acredita, não é lisa, mas tem micro buraquinhos, chamados de túbulos dentinários”, diz o Dr. Fábio Azevedo, Cirurgião-Dentista e Consultor do Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) da S.I.N. Implant System. “Durante o tratamento, eles ficam mais suscetíveis e podem trazer sensibilidade dentária. Quando comemos um alimento com corantes, por exemplo, o pigmento penetra nesses buraquinhos e causa novamente as alterações de cor”, conclui.

Para não correr o risco de se deparar com o problema é essencial adotar medidas de prevenção. Confira, a seguir, as orientações do especialista:

1. Os cuidados básicos continuam sendo indispensáveis:

Manter uma higiene bucal adequada é essencial, incluindo a escovação dos dentes no mínimo três vezes ao dia e uso de fio dental após as refeições.

2. Evite alimentos e hábitos que possam comprometer os resultados:

Após realização do procedimento, é recomendado não fumar, consumir café, alimentos com corantes, frutas cítricas, vinho e refrigerantes, para prevenir manchas.

3. Realize acompanhamento regular com o dentista:

O dentista vai monitorar a saúde dos dentes para fazer recomendações específicas, para que o cuidado com o sorriso seja efetivo. Além disso, poderá aplicar medidas preventivas, como a limpeza, e dar instruções sobre os melhores produtos e a maneira correta de fazer a higienização, tudo para a manutenção da tonalidade clara dos dentes.

4. Esteja atento aos sinais:

Perda de brilho e pequenas alterações na textura dos dentes são sinais que podem indicar o início do aparecimento das manchas entre outros fatores, requerendo ação preventiva.

5. Mantenha um intervalo adequado entre os clareamentos:

A frequência do clareamento tem influência na propensão a manchas. Recomenda-se um intervalo mínimo de seis meses entre os procedimentos para evitar problemas de pigmentação.

6. Entenda o papel da genética:

A genética pode desempenhar um papel na suscetibilidade a manchas, mas com dentes saudáveis e supervisão profissional, o risco é minimizado. A fluorose, uma deficiência no desenvolvimento dental, pode levar a manchas sob o clareamento e só um profissional será capaz de diagnosticar e intervir de forma segura, considerando cada caso e situação.

  TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

SEGUE TAMBÉM NOSSO TIKTOK AQUI 

Campanha de vacina antirrábica imuniza mais de 500 cães e gatos em Belford Roxo

Nenhum comentário

sexta-feira, maio 17, 2024



A Prefeitura de Belford Roxo, através do Departamento de Controle de Vetores e Zoonoses, promoveu uma campanha de vacinação antirrábica, que imunizou 521 animais, sendo 394 cães e 127 gatos. A ação ocorreu na Associação de Moradores do Jardim Taboca, no Lote XV, e na Praça do Parque Afonso.

O coordenador municipal de endemias, Brayan Lima, afirmou o compromisso com a vacinação nos animais. “A vacinação é muito importante, pois cada um quer o melhor para o seu bicho de estimação”, frisou Brayan. "Mas nem sempre as pessoas sabem sobre o trabalho que fazemos. E então, é muito importante que todos divulguem o que estamos fazendo aqui. Assim poderemos salvar ainda mais animais no nosso município", finalizou o coordenador municipal de endemias.

Ação fundamental

A moradora do bairro Lote XV, Lara Victoria, 19 anos, levou seus dois gatos, Fumaça e Faísca, para tomar a vacina. “Eu acho muito importante porque nem sempre todo mundo tem dinheiro para vacinar os bichinhos. E se ele pegar alguma doença, vai dar bem mais trabalho para saúde pública", frisou. "Se o meu gato tiver contato com outro, que não esteja vacinado, vai espalhar várias doenças por aí, podendo prejudicar outros animais na rua", finalizou Lara.




A também moradora do bairro Lote XV, Eleonora da Rocha, 55, levou sua cadela Nina para ser vacinada. “Eu moro aqui há pouco tempo e estava procurando um local para vaciná-los. Essa ação é fundamental para a imunização dos animais”, afirmou Eleonora. "É um trabalho muito importante, ainda mais para quem tem muitos animais”, arrematou Eleonora.

Belford Roxo realiza campanha que visa conscientizar sobre o combate ao abuso e à exploração sexual contra crianças e adolescentes

Nenhum comentário


A Secretaria de Saúde de Belford Roxo realizou, nesta sexta-feira (17-05), a campanha “Faça Bonito”, que é que uma ação de conscientização em prol do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, que acontece em 18 de Maio. A equipe esteve presente na praça de Areia Branca para distribuir folhetos, informar e orientar a população sobre a importância do tema e as melhores formas de proteger os jovens.

A psicóloga e gerente técnica de vigilância epidemiológica, Cristiane Macedo, explicou a importância da campanha. “Procuramos fazer essa sensibilização com a população para que as pessoas tenham o conhecimento da rede de apoio que nosso município tem. Além de também entender sobre os casos de abuso de forma que eles possam ser evitados”, frisou. “Damos orientação para a família sobre os tipos de violência, como elas acontecem, onde podem ocorrer e como ajuda para que assim a população fique sempre atenta ao tema”, finalizou Cristiane.

Por que dia 18 de Maio?

Em 18 de maio de 1973, uma menina capixaba, Araceli Cabrera Sánchez Crespo, de oito anos de idade, foi assassinada. Após seis dias, seu corpo foi encontrado com marcas de violência e abuso sexual e o rosto desfigurado por ácido. Os agressores nunca foram punidos. Depois de uma forte mobilização do Movimento em Defesa dos Direitos de Crianças e Adolescentes foi instituída a lei federal 9.970/2000 determinando o 18 de maio como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.




Em caso de suspeita, conhecimento ou presenciar qualquer tipo de violação de direitos contra crianças e adolescentes, denuncie por meio do:




· Disque 100 ou disque denúncia local




· Conselho tutelar




· Polícia Civil, Militar, Rodoviária Federal e delegacias especializadas




· Para crimes na internet, acesse: https://new.safernet.org.br/denuncie

Nunca é tarde para recomeçar: Morador de rua recebe certificado escolar no Rio

Nenhum comentário
Fotos: Ellan Lustosa – Seeduc-RJ

Uma história de superação, com muita força de vontade e desejo de ser melhor. Thiago Soares de Oliveira, 38 anos, atualmente em situação de rua, sempre sonhou em voltar a estudar e conseguir um novo rumo em sua vida. Após vários percalços, com o apoio da equipe da Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro (Seeduc-RJ), ele conseguiu seu certificado e retomou a esperança de um futuro melhor. Esta foi uma das dezenas de histórias de transformações que aconteceram no ‘Registre-se!’, uma iniciativa que tem como objetivo combater o sub-registro civil de nascimento no país e ampliar o acesso à documentação civil básica a todos os brasileiros e brasileiras, em especial, a população considerada vulnerável.

A história de Thiago é muito parecida com a de vários brasileiros, que não desistem nunca. Abandonado por mãe e esposa, ele passou por várias dificuldades, sem nunca perder a esperança de que as coisas poderiam melhorar. A educação, para ele, é a ponte para um futuro melhor. Na rua, acabou se tornando usuário de drogas em seu momento mais difícil, mas ele, no fundo, acreditava que a fase iria passar e algo melhor iria acontecer.

Thiago sofreu várias violências e foi furtado diversas vezes, perdendo seus pertences, documentos e o histórico escolar, que ele guardava de olho no futuro, com seu sonho de fazer faculdade e conseguir um bom emprego. Estava levando a vida com sua arte, com os desenhos que fazia, baseados principalmente em HQs de super-heróis. Mas ele queria muito mais.

– Passei muita dificuldade, mas nunca deixei de sonhar. Acabei numa situação não muito legal, tenho depressão e ansiedade, mas sei que posso vencer. Minha mãe, que era narcisista, não gostava de mim, e fui abandonado pela minha mulher. Estou em situação de rua. Me roubaram tudo, e não consegui mais trabalho. Sou um artista e, apesar de tudo o que passei, acredito que ainda terei um futuro – disse Thiago.

Durante o evento ‘Registre-se!’, organizado em parceria com a Corregedoria Nacional de Justiça, Thiago tomou coragem e procurou ajuda na tenda do Seeduc + Perto, programa da Secretaria de Estado de Educação. Chegou ao espaço muito nervoso e aflito, contou sua história e sensibilizou a equipe, que o ajudou a recuperar sua documentação e, principalmente, o ajudou a obter seu certificado de conclusão do Ensino Médio. Ele se emocionou bastante ao receber a certificação, o que lhe dá mais perspectivas para sair das ruas.

– Neste evento, encontrei o amparo do pessoal da Seeduc, que resolveu a expedição da segunda via do meu certificado. Agora, posso voltar ao mercado e estudar ainda mais. Vou lutar por uma vida melhor, com mais perspectivas. E quero publicar minhas obras. Estou muito contente – afirmou ele, exibindo seu certificado, com muito orgulho.

Oferta de serviços e benefícios à população

O Seeduc + Perto é um programa da Secretaria de Estado de Educação com o objetivo de aproximar a sociedade da secretaria, atender as demandas da comunidade escolar e evitar a necessidade de deslocamento da população dos bairros mais distantes para a sede da pasta. São oferecidos mais de 50 tipos de serviços à população.

– Histórias como a do Thiago nos motivam a lutar por um ensino de qualidade. A educação transforma e pode mudar vidas. Com o diploma em mãos, ele vai dar o pontapé inicial para um futuro com novos voos. Desejo muita sorte – afirma a secretária de Estado de Educação, Roberta Barreto.

O ‘Registre-se!’ ocorre anualmente em todo o país e tem o objetivo de conscientizar a população sobre a importância do registro civil. Com o acesso à documentação e aos serviços oferecidos no programa, as pessoas ganham condições para atender a uma exigência básica que permite pleitear benefícios das políticas sociais que o governo federal e as unidades da federação praticam. Essas pessoas passam também a ter condições de buscar qualificação profissional e de se apresentar para um emprego com contratação formal. Neste ano, a ação social aconteceu nos dias 14, 15 e 16/05, na Praça do Expedicionário, no Centro do Rio, ao lado do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ).

Além dos atendimentos prestados pela Seeduc, foram realizados serviços como emissão e localização de certidões de nascimento, casamento e óbito; registros de nascimento tardios; emissão de carteira de identidade, certificado de reservista e título de eleitor; emissão e regularização de CPF; inscrição no CadÚnico; formalização de pedidos de benefícios previdenciários e sociais, entre outros. Também foram oferecidos banho, corte de cabelo, roupas, alimentação, atenção à saúde e acesso às redes de proteção social.

– Sem palavras para descrever como a educação é fundamental. Temos que fazer nossa parte para tudo melhorar. Aqui, encontramos esperança. Quero agradecer a todos por essa iniciativa – concluiu Eliandro Lopes, conhecido como o Mr. Faculdade, que esteve na tenda da Seeduc-RJ e conseguiu sanar todas as suas dúvidas para obter seu histórico escolar.

Belford Roxo oferece atividades para a melhor idade

Nenhum comentário

quarta-feira, maio 15, 2024



A Prefeitura de Belford Roxo, através da unidade de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Apoio à Pessoa Idosa (API), segue oferecendo atendimento socioassistencial de qualidade para o público da melhor idade.

Localizado no bairro Xavantes, o equipamento funciona sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Assistência Social, Cidadania e do Combate à Fome, com o objetivo de contribuir com o processo de envelhecimento ativo, saudável e autônomo. No momento, mais de 45 idosos estão sendo atendidos e acolhidos na unidade com diversas oficinas, como por exemplo: artesanato, culinária, dança de salão, além de passeios culturais e encontros socioeducativos.

A secretária municipal de Assistência Social, Cidadania e do Combate à Fome, Clarice Santos, reforçou a importância do equipamento na cidade. “Temos muito orgulho desse espaço especial que proporciona atividades e uma melhor qualidade de vida aos usuários”, explicou Clarice.

Valorizar experiências

A coordenadora da unidade API, Elionete Miranda, enfatizou sobre o serviço multidisciplinar. “O nosso trabalho é totalmente voltado para dar apoio aos idosos, garantindo segurança, mais prazer e satisfação na vida. Toda a equipe está à disposição para propiciar vivências e valorizar experiências que contribuem com o protagonismo social da melhor idade”, finalizou Elionete.

As usuárias do equipamento e moradoras do bairro São Bernardo, Valdiva Conceição e Neuza Pinheiro, de 61 e 78 anos, respectivamente, participaram da atividade Cozinhando de Memória. “Minha saúde física e mental melhorou muito. Estou aprendendo a preparar várias receitas com muito carinho e atenção de toda equipe”, contou Valdiva. “Estou sempre presente, faço parte do grupo há 11 anos e fico triste se ficar um dia sem visitar o API. Somos uma família, aqui nós sorrimos, brincamos e vivemos momentos felizes”, acrescentou Neuza, ao lado da oficineira Cátia Galindo.

Batata frita é prejudicial à saúde bucal, diz cirurgião dentista

Nenhum comentário

terça-feira, maio 14, 2024


Sim, é uma afirmação! Não há como negar que as batatas fritas são opções deliciosas e versáteis para acompanhar lanches ou servir como aperitivo, mas seu consumo exige cuidados. Por conter muito amido, que se transforma em açúcar durante o processo de mastigação, a batata frita pode servir de alimento para as placas bacterianas, uma película pegajosa que adere aos dentes e gengivas, contribuindo para problemas como as cáries, por exemplo, prejudicando a integridade dos dentes.

“Então, depois de saborear uma porção de batatas fritas não se esqueça de fazer uma boa escovação dos dentes e passar o fio dental para eliminar qualquer resíduo que fique na boca. Essas são formas eficazes de evitar problemas”, explica João Piffer, cirurgião dentista e CEO da PróRir, rede de clínicas odontológicas.

Belford Roxo inaugura Centro Especializado de Reabilitação às Crianças Neuroatípicas na Piam

Nenhum comentário

segunda-feira, maio 13, 2024


A Prefeitura de Belford Roxo inaugurou o Centro Especializado de Reabilitação às Crianças Neuroatípicas, no bairro Piam, na localidade conhecida como Vila Joana. A unidade será um espaço inclusivo para pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e para as que necessitem de terapias multidisciplinares, interdisciplinares e outras condições neurodivergentes.

Por meio das intervenções precoces (IP) com profissionais especializados, o centro se empenhará em desenvolver a interação social, a comunicação e as habilidades cognitivas e motoras. Tudo com o intuito de ser um local de inclusão e acolhimento, equipado para oferecer todo o suporte, assistência e cuidados necessários com as famílias neuroatípicas.

Tipos de atendimentos

O centro oferecerá diversos tipos de atendimentos como: sala de terapia ocupacional, integração sensorial, psicomotricidade, fisioterapia, terapias integrativas, fonoaudiologia, psicopedagogia, psicologia, musicoterapia, dentista, neuropediatra, pediatria, clínica médica, nutricionista, serviço social, e muitos outros serviços. O centro também conta com uma quadra e um espaço com parquinho infantil.

O dia da inauguração contou com a presença de autoridades, lideranças municipais, além de várias mães de filhos neuroatípicos. Na oportunidade, a Prefeitura Municipal organizou uma vacinação para as crianças que estão sem imunização. Elas também ganharam algodão doce, pipoca e balões, e todas as mães neuroatípicas presentes no evento receberam brindes (abafadores e cordões).

Exemplo para o Brasil

O prefeito Wagner dos Santos Carneiro, o Waguinho, enfatizou que o centro é a maior de todas as inaugurações que o governo já fez. “Quero que esta unidade sirva de exemplo para que todo o Brasil possa seguir o pioneirismo de Belford Roxo. Quem tem uma criança neuroatípica sabe como é caro o custo desse tipo de atendimento, mas aqui elas encontrarão a solução”, frisou. “Esse equipamento vai ser uma ferramenta para salvar muitas famílias. E eu tenho muito orgulho de ter acompanhado cada passo de todo esse trabalho, que é algo inédito”, concluiu o secretário de Gestão e Inovação em Serviços Públicos, Matheus Carneiro.




A primeira-dama e deputada federal Daniela do Waguinho agradeceu a presença de todas as mães que estiveram na inauguração. “Hoje essa entrega é um marco na política pública da saúde de Belford Roxo, mas muito além, na vida daqueles que entrarão por essas portas para serem atendidos de forma digna, respeitosa e com muito amor”, afirmou. “Hoje a gente está aqui, porque a deputada Daniela cobrou do início ao fim que esse espaço acontecesse. Então gostaria que todos os pais abraçassem esse equipamento, pois ele foi feito com muito apreço, capricho e carinho”, finalizou o secretário de Saúde, Christian Vieira.




Mães elogiam instalações

A garçonete, Bernadete de Lurdes, 45, ficou muito emocionada pela inauguração do centro. “Não vejo a hora da minha filha ser bem cuidada pelos profissionais maravilhosos que sei que temos por aqui. Nós, mães atípicas, precisávamos muito disso e graças a Deus o centro foi inaugurado”, afirmou Bernadete ao lado sua filha Nayara, 15.

A moradora do Nova Iguaçu, Aline Paula, 42, contou que essa é a realização de um grande sonho. “Eu já fui em muitas clínicas particulares e quando comparo com a estrutura daqui, não deve em nada. Tem tudo que é mais um pouco do que é necessário para uma criança neuroatípica se desenvolver”, afirmou Aline, ao lado do seu filho Kratos Coe, 4.




--

Deputado Léo Vieira critica caos na saúde municipal de São João de Meriti

Nenhum comentário

domingo, maio 12, 2024

 O deputado estadual Léo Vieira (REP) fez um discurso veemente, na tribuna da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), nesta ultima quarta-feira (08/05), para criticar a estratégia “desumana e covarde” da prefeitura de São João de Meriti, que mantém unidades de saúde fechadas por anos, reabre às vésperas de eleição e depois fecha novamente. 

Léo Vieira enumerou as unidades de saúde que estão fechadas há mais de três anos, casos do PAM Éden, PAM Meriti e Maternidade do Morrinho, essa última há sete anos fechada, obrigando grávidas a terem seus filhos em municípios vizinhos como Nilópolis, Mesquita, Belford Roxo, Duque de Caxias e Rio de Janeiro.

“Agora, em ano de eleição, descobriram que a cidade de São João de Meriti tem criança, e anunciaram a reinauguração do posto de saúde infantil do PAM Éden. Mais uma vez, uma estratégia covarde de iludir o povo humilde da cidade”, criticou Léo Vieira.

O deputado, no entanto, afirmou que nas eleições de outubro próximo a população de São João de Meriti não vai se deixar enganar novamente, e estará vacinada contra as pessoas que não vivem, não moram e não precisam da saúde de São João de Meriti. 

Léo Vieira encerrou o discurso enfatizando a presença de público de mais de 8 mil moradores que prestigiaram a reunião, na última segunda-feira em São João de Meriti, para celebrar a sua filiação ao partido Republicanos.

“Esse ato da população que compareceu foi de coragem para enfrentar tudo aquilo que o poder público não tem feito nos últimos anos. Um povo que clama por mudança, por esperança, por dias melhores, e que vai virar a chave dessa cidade tão importante. A população de São João de Meriti vai voltar a sorrir porque Deus quer e povo da cidade quer”, clamou o deputado estadual Léo Vieira.

Secretaria dos Animais realiza ação educativa em escola, em Belford Roxo

Nenhum comentário

sexta-feira, maio 10, 2024



A castração é o melhor caminho para garantir a saúde dos animais. Por meio do procedimento, segundo a especialistas, o tempo médio de vida do animal aumenta. Por isso a prática é tão recomendada pelos médicos veterinários.

E pensando na saúde e bem-estar dos bichinhos, a Secretaria de Defesa dos Animais, em parceria com a Universidade Estácio, realizou uma ação na Escola Municipal Heliópolis, na Educação de jovens e adultos (EJA), sobre a importância da castração nos animais de estimação.

Foi realizada uma palestra, distribuição de panfletos, e a inscrição de 60 alunos para poderem levar seus bichinhos para castração. A Secretaria de Defesa dos Animais informou que o projeto tem a possibilidade de se estender e atender a outras escolas do município.

Hospital Iguassú Maternidade Mariana Bulhões comemora o Dia das Mães com ensaios fotográficos para pacientes

Nenhum comentário


Pela segunda vez, o Hospital Iguassú Maternidade Mariana Bulhões fez parte da história da família Amanda Barros Santana Lins. No último dia 7, ela deu à luz ao pequeno Brian, seu primeiro filho, 19 anos após ter nascido na mesma unidade de saúde. Para registrar esse momento, Amanda e outras pacientes, além de seus bebês, participaram, nesta sexta-feira (10), de ensaios fotográficos, promovidos pela instituição, em comemoração ao Dia das Mães, no próximo domingo, (12).

“Esse dia trouxe muita alegria para mim. Fiquei imensamente feliz com toda a atenção e estou ainda mais contente de saber que meu filho nasceu no mesmo hospital que eu. Estou ansiosa para ver as fotos e publicá-las nas redes sociais”, conta Amanda.

Reinaugurado pela Prefeitura de Nova Iguaçu no dia 3 de abril, o Hospital Iguassú Maternidade Mariana Bulhões conta com diversos projetos voltados ao acolhimento humanizado e ao bem-estar. A ação de Dia das Mães foi realizada no estúdio fotográfico da instituição, decorado com o tema da data, e recebeu gestantes, puérperas e bebês para ensaios. Elas também receberam serviços de cuidado com a beleza, autoestima e consultoria de imagem.




“Esse tipo de evento colabora com muito carinho neste momento que estamos vivendo, valorizando nossa gestação. Pretendo revelar as fotos, postar nas redes sociais e guardar para minha vida essas lembranças”, comenta a puérpera Leila Passos Dias, de 22 anos, mãe da pequena Ana Laura, nascida no dia 30 de abril na maternidade.

Outro objetivo dos projetos da maternidade é tornar a estadia mais agradável para as pacientes, principalmente àquelas que ficam hospitalizadas por longos períodos. Este foi o caso de Caroline Rodrigues, de 30 anos. Com aproximadamente seis meses de gestação, ela foi internada há nove dias para ser monitorada pelas equipes médicas e não tem previsão de alta. Enquanto ela e a futura filha Maitê recebem os cuidados adequados, a gestante participou de um ensaio fotográfico.

“É fundamental, principalmente para nós que estamos internadas há algum tempo. Isso ajuda a espairecer um pouco. Estou muito ansiosa para ver as fotos”, completa ela.

Todas as fotos serão disponibilizadas de maneira digital para os familiares logo após a alta hospitalar, para que possam guardar esses momentos especiais.







--

Japeri dá início ao mutirão de colonoscopia

Nenhum comentário

quinta-feira, maio 09, 2024

Foto: Lucas Alexandre

A partir desta quinta-feira, (9), o Programa Fila Zero de Cirurgias Eletivas dá mais um passo para acabar com a angústia de quem aguarda para realizar os exames e procedimentos. Desta vez, a Prefeitura de Japeri, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), vai zerar a espera pelo exame de colonoscopia.

Segundo a coordenadora do Complexo Municipal de Regulação, Letícia Motta, o sistema está com 402 pacientes aguardando pelo exame. “Essa espera chega ao fim com o nosso contato para o agendamento. Por isso é importante que os pacientes estejam com os telefones atualizados e atentos à nossa ligação. Agora é só atender o nosso chamado”, relatou a profissional que conta com uma equipe de cerca de 10 pessoas realizando desde o atendimento ao paciente até a inserção no sistema de regulação estadual e o telefonema para a realização dos procedimentos.

O contato com os pacientes será feito através de ligações telefônicas e da busca ativa em alguns endereços já cadastrados, através dos agentes comunitários de saúde dos territórios.

Os procedimentos acontecem em parceria com o Hospital Rio Saúde, em Duque de Caxias, que vai atender 25 pessoas por semana. Os pacientes serão levados pela frota da Semus e deverão ir com acompanhante. A alta será no mesmo dia.

A ordem de chamada para o procedimento é de acordo com o cadastro do Sistema Estadual de Regulação.

O que é e para que serve o exame de colonoscopia

O exame de colonoscopia é feito para a investigação de alterções ao longo do intestino grosso e no final do intestino delgado. Ele serve para pesquisar pólipos, que são lesões na superfície interna de algum órgão; identificar sangramento nas fezes, assim como para avaliar diarréias persistentes e outras alterações intestinais.

Com o exame de colonoscopia é possível também realizar a retirada de tecido para biópsia e a realização de procedimentos como a polipectomia, que é a retirada de pólipos colorretais, pedaços de carne ou tecido que podem ser benignos ou malignos no intestino ou no reto.

O exame necessita que o paciente realize um preparo que começa com uma dieta livre de alimentos sólidos na véspera do exame. Para limpar o cólon, é preciso o uso de laxante. O procedimento é feito com anestesia e o paciente deve ir acompanhado.

Manejo da dermatite atópica: entenda as inovações no cuidado da pele sensível

Nenhum comentário


A dermatite atópica é uma condição dermatológica crônica que afeta milhões de pessoas em todo o mundo, causando desconforto e impactando significativamente a qualidade de vida. De acordo com Thomas M. Ruenger, MD, PhD, pela Georg-August University of Göttingen, na Alemanha, a cada ano, 10% dos adultos e 20% das crianças são diagnosticados com a condição. Reconhecendo a necessidade contínua de avanços no tratamento e cuidado da pele sensível, a indústria dermatológica tem se empenhado em desenvolver soluções inovadoras.

Recentemente, uma série de avanços no manejo da dermatite atópica tem revolucionado a forma como os pacientes lidam com esta condição. Estas inovações se concentram não apenas no tratamento dos sintomas, mas também na prevenção de recorrências e na manutenção da saúde da pele a longo prazo.

Uma das principais áreas de avanço é a pesquisa e desenvolvimento de produtos dermatológicos específicos para a dermatite atópica. Fórmulas cuidadosamente elaboradas com ingredientes suaves e eficazes têm demonstrado reduzir a inflamação, aliviar a coceira e restaurar a barreira cutânea danificada, proporcionando alívio aos pacientes.

Dentre os laboratórios que estão investindo no nicho, está a Carnot Laboratórios, laboratório farmacêutico, que produziu uma linha para dermatite atópica, o Alitopic, que inclui creme e leite emoliente, shampoo e condicionador, e desodorante.

De acordo com Iván Torrer, Gerente de Capacitação da Carnot, os produtos foram desenvolvidos com complexo omegatopic, aveia sativa ultra micronizada, vitamina B3, também são usados proteína de soja, Aloe Vera entre outros componentes que oferecem alívio para os sintomas da dermatite atópica.

“Entre os benefícios estão a ação anti-inflamatória, antioxidante, maior absorção e dispersão, favorece o aumento da síntese de ceramidas, ácidos graxos e colágeno, proporciona suavidade, hidratação e proteção à pele, entre outras inovações positivas”, afirma.

Além disso, abordagens integradas que combinam tratamentos tópicos com terapias complementares, como fototerapia e terapia comportamental, têm mostrado resultados promissores na gestão da dermatite atópica. Estas abordagens multifacetadas visam não só controlar os sintomas agudos, mas também abordar os fatores subjacentes que desencadeiam os surtos da doença.

Outro aspecto fundamental do avanço no manejo da dermatite atópica é a educação e o apoio contínuo aos pacientes. Programas educacionais abrangentes fornecem informações sobre a condição, estratégias de cuidado da pele e técnicas de enfrentamento, capacitando os pacientes a gerenciar melhor sua saúde dermatológica no dia a dia.

"A dermatite atópica pode ser uma condição desafiadora para os pacientes, mas estamos testemunhando avanços significativos que estão transformando a forma como abordamos o cuidado da pele sensível", afirma o gerente. "Com uma abordagem holística que combina tratamentos inovadores, terapias complementares e apoio educacional, estamos dando aos pacientes as ferramentas necessárias para controlar sua condição e melhorar sua qualidade de vida."

À medida que a pesquisa e o desenvolvimento continuam a impulsionar a inovação no campo da dermatologia, a esperança é que mais avanços sejam feitos para beneficiar aqueles que vivem com dermatite atópica. Com um foco renovado no cuidado personalizado e abordagens integradas, o futuro parece promissor para o manejo desta condição dermatológica comum, mas desafiadora.

 TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

SEGUE TAMBÉM NOSSO TIKTOK AQUI 


Aprovado o retorno do DPVAT, agora o novo Seguro Obrigatório de Veículos chamado SPVAT

Nenhum comentário

Foi aprovado o retorno do DPVAT, que agora o novo SPVAT. Com o retorno do seguro obrigatório, quem não regularizar o pagamento, terá como punição, o pagamento de multa de R$ 195,23, geração de infração grave com cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Além disso, o proprietário do veículo fica impedido de realizar o Licenciamento do carro, o que, na prática, significa a impossibilidade de rodar com o mesmo, visto que o carro pode ser retido em uma fiscalização de trânsito, gerando ainda mais problemas ao condutor.

No ano passado, segundo levantamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF), 5.621 pessoas morreram e outras 78.322 ficaram feridas em 67.658 sinistros de trânsito apenas nas rodovias federais. Apesar de o Brasil ter assinado o compromisso com a ONU para reduzir as mortes no trânsito, a ocorrência destes eventos vem crescendo ano a ano, deixando uma legião de órfãos, inválidos e amplificando as mazelas sociais nas camadas mais pobres da nossa população.

Não é à toa que, em 2022, o número de solicitações para pagamento de indenizações do DPVAT cresceu absurdamente no Brasil. Segundo dados da Caixa Econômica Federal, R$ 1,3 bilhão em indenizações foi o total pago no período, um número 406% maior em relação ao ano anterior.

Mas, desde 15 de novembro de 2023, as vítimas de acidentes de trânsito no Brasil não estão mais recebendo as indenizações pagas pelo seguro DPVAT. Sem cobrar pelo seguro desde 2021, o fundo para o pagamento das indenizações acabou. Para evitar que milhares de pessoas ficassem desassistidas, o governo federal apresentou o projeto para a recriação do seguro, medida aprovada pelo Senado nesta quarta-feira com 41 votos favoráveis e 28 contrários.

O DPVAT, que passa a se chamar Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito (SPVAT), indenizará somente os casos de morte ou invalidez. A aprovação do projeto no Maio Amarelo, depois de uma série de reações pautadas exclusivamente por argumentos populistas que desconsideram o cenário do trânsito no Brasil e o impacto social que esses eventos evitáveis provocam, é uma vitória para quem defende a vida e a segurança viária.

Segundo o Instituto Zero Morte para a Segurança em Transportes, cada morte no trânsito causa um impacto de R$ 2,95 milhões para o contribuinte. Isso quer dizer que, a cada ano, cerca de R$ 130 bilhões são gastos, direta e indiretamente, com as mortes no trânsito.

As análises estatísticas já comprovaram que a maioria das vítimas do trânsito está em idade produtiva. Estamos falando de jovens de baixa renda que, muitas vezes, são os principais provedores de suas famílias. A interrupção súbita dessa força de trabalho é capaz de conduzir milhares de famílias para uma condição de extrema vulnerabilidade social.

Desde que o seguro foi instituído, há 50 anos, não progredimos na elaboração de políticas públicas capazes de contemplar as necessidades dessas vítimas. Negar o impacto econômico que essas mortes tem nas famílias, nos cofres públicos e na sociedade, é fechar os olhos às tragédias que se originam após as famílias enterrarem seus entes queridos.

Em um país marcado profundamente pela desigualdade social, oferecer um seguro que protege igualmente todos os usuários do Sistema Nacional de Trânsito, independentemente de sua condição socioeconômica, é um passo essencial para garantir que os direitos à saúde e à vida sejam preservados.

Deputada e secretário visitam obras da Saúde e Educação em Belford Roxo

Nenhum comentário

quarta-feira, maio 08, 2024


Novidades na cidade. O secretário municipal de Gestão e Inovação em Serviços Públicos de Belford Roxo, Matheus Carneiro, e a primeira-dama e deputada federal Daniela do Waguinho, vistoriaram as obras de construção de posto de saúde, policlínica e escola na cidade.

O primeiro local que recebeu a fiscalização foi o posto de Saúde de Heliópolis, no bairro Vila Entre Rios, que de acordo com o projeto contará com três consultórios, sala de vacina, medicação, coleta, esterilização, administração, dois banheiros masculinos, femininos e PCD. Em seguida, as autoridades visitaram o andamento das obras da Policlínica na Avenida São Francisco, com uma estrutura interna que terá quatro consultórios, ultrassonografia, raio-X, 2 salas de vacina, mamografia, fisioterapia, farmácia, laboratório e muito mais.

Estruturas modernas

O secretário municipal de Gestão e Inovação em Serviços Públicos, Matheus Carneiro, enfatizou os esforços para o desenvolvimento de Belford Roxo. “Estamos trabalhando incansavelmente para expandir a rede de ensino e de saúde para atender os munícipes e oferecer o que há de melhor com estruturas modernas e acolhedoras”, ressaltou Matheus.

A primeira-dama e deputada federal Daniela do Waguinho comentou sobre os investimentos na cidade. “É muito gratificante fiscalizar as obras que acontecem a topo vapor nos quatro cantos da cidade. Seguirei contribuindo sempre com recursos federais para levar mais dignidade e qualidade de vida”, frisou Daniela.

A dupla também acompanhou o avanço das obras de construção da escola municipal Daniel de Souza, em Santa Maria, e o serviço de almoço do Restaurante do Povo, no Centro da cidade, onde as autoridades interagiram com o público, ladeadas pela secretária municipal Clarice Santos (Assistência Social, Cidadania e do Combate à Fome).
Don't Miss
© 2015 - 2022 Jornal Destaque Baixada. Todos os direitos reservados
Destaque Baixada Jornal para ler e compartilhar