Belford Roxo certifica mulheres para o projeto Assistência Presente Mulher - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

segunda-feira, junho 28, 2021

Belford Roxo certifica mulheres para o projeto Assistência Presente Mulher


A Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Mulher (Semascm) de Belford Roxo realizou a certificação para o projeto Assistência Presente Mulher na Estação da Cidadania, bairro Piam. O projeto consiste em levar até a população informações sobre os direitos e benefícios já garantidos por ela. Todas as formandas ganharam um kit com blusa, boné e mochila para atuarem nas ruas.

A secretária de Assistência Social, Cidadania e Mulher, Brenda Carneiro, destacou a importância de levar informação para a população. “Estamos avançando cada vez mais na garantia de direitos da população, que muitos não conhecem ou não sabem que existem. Nossa função é mostrar como é possível ter acesso a eles. Vejo mulheres nas ruas com medo de falar seu nome. Então esse grupo tem o propósito de levar informação e dar o direito de fala a elas”, explicou a secretária.

“São mulheres unidas ajudando outras mulheres”. A frase da subsecretária da Mulher, Cristiane Guedes, abriu sua fala na solenidade e fez uma reflexão sobre a maneira que as mulheres são tratadas. “O projeto estará informando a elas seus direitos, pois muitas não sabem. Elas terão voz e serão acolhidas com amor e carinho. Muitas delas estão fragilizadas e estaremos por perto para garantir seus direitos”, garantiu Cristiane Guedes. Para a secretária especial de Atenção à Saúde da Mulher, Priscila Musser, a ideia do projeto é magnífica. “É gratificante você poder ajudar de alguma maneira. Mulheres fazendo exames que nem sabiam que tinham direito e poder perceber que o município tem uma saúde acessível a todos”, resumiu Priscila.

Para o presidente do Grupo Hospitalar Fluminense, Leandro Santoro, o projeto vai ajudar com a demanda de mulheres que precisam de ajuda, mas não sabem ou não procuram. “Com o trabalho voltado à assistência social que também realizamos, temos a sala Maria da Penha, a única na Baixada Fluminense, em nossa unidade, que vai complementar o projeto”, afirmou Santoro. Wania Amaral Galindo já atua no projeto Assistência Presente, e agora, irá para as ruas com o projeto Mulher. “Almejo levar bastante informação às mulheres sobre os nossos direitos e tudo o que o município tem a oferecer. Infelizmente, sem ajuda muitas não sabem por onde começar e ficam perdidas”, disse Wania.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Pages