Em Nova Iguaçu, viaduto Padre João Musch será içado e trânsito passa por alterações nesta terça - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

Home Top Ad

PUBLICIDADE

22/05/2018

Em Nova Iguaçu, viaduto Padre João Musch será içado e trânsito passa por alterações nesta terça


Parte do trânsito do Centro de Nova Iguaçu vai passar por uma mudança durante o içamento do viaduto Padre João Musch, interditado desde 9 de fevereiro deste ano após a Prefeitura de Nova Iguaçu detectar risco de desabamento. A intervenção começa nesta terça-feira (22) e a Secretaria de Transporte, Trânsito e Mobilidade Urbana vai interditar, de forma total, dos dias 22 de maio a 05 de junho, o tráfego de veículos na Avenida Governador Roberto Silveira, no trecho entre a Avenida Marechal Floriano Peixoto e a Avenida Governador Amaral Peixoto; e na Avenida Governador Roberto Silveira, no trecho entre a Avenida Governador Amaral Peixoto e a Avenida Marechal Floriano Peixoto.

De acordo com a Secretaria de Transporte, Trânsito e Mobilidade Urbana, os ônibus que fazem ponto na Avenida Governador Roberto Silveira, nos trechos citados, deverão parar temporariamente na Avenida Marechal Floriano Peixoto, lado direito da via, entre os números 2920 e 2754. O itinerário alternativo para os ônibus que acessam o Terminal Rodoviário pela Avenida Governador Roberto Silveira deverá ser pela Via Lia Light, pela Avenida Governador Roberto Silveira ou pela Avenida Marechal Floriano Peixoto, pela Rua Dom Walmor e pela Avenida Governador Amaral Peixoto.

O viaduto será içado para reparos nos dentes Gerber, que são uma saliência que se projeta na parte superior da extremidade de uma viga, com o objetivo de apoiá-la em consolo criado na face de um pilar ou na região inferior da extremidade de outra viga. Eles funcionam como um dente para fora da viga e um para fora do pilar em sentidos opostos criando um par. As obras do viaduto devem ser concluídas até final de agosto.

“Vamos tratar os dentes Gerber e temos que içar o viaduto para ter acesso a eles. Essa estrutura metálica não é um novo viaduto, ela foi montada exclusivamente para o içamento. Estamos terminando de montar os macacos hidráulicos. Cada transversal vai ter um jogo de quatro macacos de cada lado. Eles vão ser os responsáveis, através das bombas para fazer o deslocamento. No trecho mais baixo, a estrutura está bastante comprometida”, explicou a secretária de Infraestrutura, Cleide Moreira.

Ainda segundo ela, durante mapeamento do viaduto, já que não havia um projeto do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), técnicos da Secretaria de Infraestrutura descobriram um verdadeiro depósito de água no local.

“Estimamos por metro quadrado uma sobrecarga de água acumulada e infiltrada de cerca de uma tonelada. Perfuramos e bombeamos para retirar essa água. Além disso, encontramos até 28 centímetros de massa asfáltica que gerou sobrepeso. Nossa expectativa que esse primeiro trecho do dente leve dez dias para ser içado. Após o içamento, vamos ter acesso para ver como estão os aparelhos de apoio. Depois vamos tratar os dentes e fazer um reforço”, garantiu Cleide.

22/05/2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

Post Bottom Ad

Pages