Queimados faz melhor campanha da história nos Jogos da Baixada e por muito pouco não fatura o título - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

Home Top Ad




PUBLICIDADE

07/05/2018

Queimados faz melhor campanha da história nos Jogos da Baixada e por muito pouco não fatura o título

 
Município ficou em segundo lugar na classificação geral com a mesma quantidade de pontos do campeão Nova Iguaçu. Disputa foi decidida no critério de desempate

Bateu na trave! Após meses de muita luta e altas performances no esporte, o município de Queimados viu o sonho do título inédito dos Jogos da Baixada chegar ao fim, no último fim de semana, com os confrontos do vôlei e da natação, realizados no SESC de São João de Meriti. A disputa foi tão emocionante que foi decidida no critério de desempate. Com os mesmos 35 pontos de Nova Iguaçu – o grande campeão –, Queimados ficou em segundo lugar devido ao número inferior de medalhas de ouro conquistadas – quatro a menos que o vencedor–. Duque de Caxias ficou em terceiro.

O ouro não veio, mas o resultado não é para lamentação e sim para comemorar, afinal, Queimados conseguiu sua melhor colocação na história dos Jogos da Baixada, igualando a campanha de 2010. A diferença é que neste ano, pela primeira vez os queimadenses chegaram à última etapa com chances reais de título.

Os resultados do último fim de semana não favoreceram. A única medalha veio na natação, quando a equipe ficou com a prata, perdendo por um ponto para Nova Iguaçu. No vôlei, os iguaçuanos venceram três das quatro categorias e pularam de terceiro para o lugar mais alto na classificação geral da competição.

Para o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, Julio Coimbra, o resultado foi satisfatório e já projeta a estratégia para sair vencedor da competição no próximo ano.“Estou muito orgulhoso. Lutamos ponto a ponto pelo título que, infelizmente, foi decidido nos detalhes. Queimados sobe de patamar e está entre os melhores municípios da região. Parabenizo a todos os atletas, professores, coordenação e torcida. É continuar forte com o trabalho para levarmos o ouro no ano que vem”, destacou.

A competição ficou marcada pelo equilíbrio durante todas as etapas. Duque de Caxias liderou boa parte da competição, mas caiu para terceiro após um péssimo desempenho na natação. A quantidade de ouros nas modalidades foi fundamental para Nova Iguaçu levar o título. Enquanto Queimados conquistou cinco medalhas douradas, os iguaçuanos alcançaram nove. Os queimadenses levaram a melhor no xadrez (sub-14 masculino e sub-17 feminino), no basquete (masculino sub-14 e sub-17) e no vôlei masculino sub-14.

Desde as primeiras disputas, Queimados mostrou equilíbrio e figurou nas primeiras colocações. Os queimadenses mantiveram a segunda colocação em todas as rodadas e chegou à decisão com a expectativa do título inédito. A grande aposta estava na natação. Campeã em 2017, se a equipe conquistasse o bicampeonato, asseguraria o título geral da competição. Os duelos na piscina foram muito equilibrados e Nova Iguaçu levou a melhor novamente por um ponto de diferença, o que pesou no título.
 
07/05/2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 984040-254

Post Bottom Ad

Pages