Gestantes e Bebês ganham clínica em Mesquita - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

20/02/2019

Gestantes e Bebês ganham clínica em Mesquita


Mesquita inaugurou nesta terça-feira, dia 19 de fevereiro, a Clínica Odontológica do Bebê. O espaço atende crianças de zero a 5 anos de idade e conta com uma sala exclusiva para palestras educativas, instrução de higiene oral e escovódromo. Profissionais especializados em odontopediatria dão expediente em consultas e procedimentos e a clínica funciona dentro do Centro de Especialidades Odontológicas de Mesquita, no segundo andar da Policlínica Municipal Celestina José Ricardo Rosa, na Avenida União 676, em Santa Terezinha.



“Já temos atendimento especializado para as gestantes. Agora, com a Clínica Odontológica do Bebê, esses nenéns serão atendidos no mesmo lugar em que as mães se consultam. Esse é um grande avanço, algo que eu nunca vi em outros municípios da Baixada Fluminense. E que hoje vira uma realidade em Mesquita”, comemorou o prefeito Jorge Miranda, presente na inauguração.

É exatamente esse o caso de Jennifer Gonçalves da Silva, de 17 anos. Grávida, ela esteve com a mãe, Monique Silva dos Santos, na inauguração. O motivo, porém, ainda não foi o bebê que espera. Hillary da Silva, de um ano, é filha caçula de Monique e irmã de Jennifer e teve a higiene bucal realizada, com as devidas instruções passadas à mãe e à irmã mais velha. “Eu já me trato aqui no CEO desde o período da gravidez da Hillary, assim como a Jennifer está fazendo agora. A Hillary vai voltar daqui a dois meses, para dar continuidade a esse tratamento na Clínica do Bebê e meu neto ou neta, quando nascer, também terá atendimento aqui”, disse Monique, satisfeita com a atenção recebida.



Para Nelson Monteiro, coordenador de Saúde Bucal de Mesquita, a chegada da nova Clínica Odontológica do Bebê vai ajudar a mudar a rotina da saúde bucal do município a médio e longo prazo. “As pessoas precisam se cuidar. É importante que se aposte mais na prevenção, porque o resultado é menos doloroso e também menos custoso para os cofres públicos. Quando acostumamos as crianças a se prevenirem, evitamos que elas sofram com problemas nos dentes conforme vão crescendo”, explica Nelson.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Foto Rafael Lobo
20/02/2019

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

Post Bottom Ad

Pages