Defesa Civil aciona sirenes após chuva e segue em alerta - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

2.11.2020

Defesa Civil aciona sirenes após chuva e segue em alerta


Devido ao índice de mais de 100mm de chuva nas últimas 24 horas, a Prefeitura de Magé, através da Secretaria de Proteção e Defesa Civil, informa que foram sete blocos de sirenes foram acionados no sexto distrito para alertar aos moradores que ocorra a evacuação das áreas de risco.

“O acionamento das sirenes é preventivo, e de acordo com um estudo já realizado previamente foi constatado que o risco de deslizamento aumenta quando os índices pluviométricos batem junto com nosso protocolo, que no caso de hoje foram mais de 100mm em 24 horas”, afirmou o técnico de Defesa Civil, Arthur Castilho.

O Centro de Monitoramento de Desastres de Magé (CEMDEM), localizado no 4º distrito, atua monitorando as condições climáticas do município e envia alertas através de mensagens, via celulares, para as pessoas cadastradas. O CEMDEM trabalha em parceria com o Centro Nacional de Monitoramento e Alarme de Desastres Natural, que instalou pluviômetros digitais no município.

De acordo com a Defesa Civil, a equipe de agentes tomou as providências necessárias para o pronto atendimento da população do sexto distrito. O ponto de apoio localizado na antiga Sede da Secretaria de Manutenção Pública na Rua Gov. Roberto Silveira, nº 511, foi aberto e a população recebeu orientações sobre os procedimentos a serem tomados com o intuito de minimizar os riscos e resguardar suas vidas.

“Toda a equipe da Defesa Civil está de prontidão atendendo as ocorrências e tomando as medidas necessárias para a defesa e proteção da população. Vale ressaltar também que todos os locais que ocorreram quedas de árvores já foram desobstruídos e a passagem já está livre. A equipe de poda está de prontidão para futuras ocorrências”, esclareceu o secretário de Defesa Civil, Luciano da Cruz.

A Defesa Civil recebe ocorrências através do número (21) 2739-4512, e para solicitar o cadastro os moradores devem discar 199. A orientação é que em situação de risco, os cidadãos se dirijam para casa de parentes ou ao ponto de apoio mais próximo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

Post Bottom Ad

Pages