Nova Iguaçu faz alerta para evitar afogamentos no Rio Guandu - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

10.08.2020

Nova Iguaçu faz alerta para evitar afogamentos no Rio Guandu


Para evitar acidentes com banhistas no Rio Guandu, a Prefeitura de Nova Iguaçu, por meio das Secretarias de Defesa Civil e Meio Ambiente, Agricultura, Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semadetur), distribuiu panfletos informativos para prevenção contra afogamentos no local, nesta quinta-feira (8).

Agentes, com apoio da Cedae, percorreram três pontos bastante visitados: Lagoão, Prainha e Km34. Eles ainda distribuíram panfletos em 139 residências, abordando 289 pessoas, além de 19 comércios, todos localizados próximos ao rio. A panfletagem vai continuar nos finais de semana de sol.

“Nosso objetivo é prevenir afogamentos. Estamos conscientizando as pessoas sobre os riscos de tomar banho no Rio Guandu. Abordamos os moradores locais para que eles sirvam de multiplicadores na orientação aos visitantes”, afirmou o secretário municipal de Defesa Civil, Vilson Santos.

Ainda segundo ele, a ação também teve apoio de lideranças da região, voluntários da Defesa Civil e apoio técnico da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (Sobrasa), que forneceu dados técnicos sobre afogamentos e sobre atitudes seguras em rios.

De acordo com a secretária de Meio Ambiente, Fernanda Braga, a Semadetur está investindo em infraestrutura para fiscalização ambiental, com efetivo da Guarda Ambiental Municipal, para atuar na APA Guandu Açu, que engloba as lagoas do Rio Guandu, e em breve, serão colocadas placas de orientação nos locais frequentados por banhistas.

Dono de um comércio na área conhecida como Lagoão, o casal Renata da Costa, de 42 anos, e José Roberto, de 46, disse que a presença do poder público é fundamental para evitar acidentes.

“É importante ter essa prevenção, pois as pessoas não estão respeitando a natureza e por desconhecimento das condições do rio para nadar. Elas entram no rio mesmo com correnteza ou comportas abertas. Muitos desconhecem o rio e nadam para longe. Procuramos explicar dos riscos e agora com orientação da Prefeitura, podemos ter mais conhecimentos para monitorar os banhos aqui e evitar acidentes”, enfatizou Renata.
TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

08/10/2020 
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages