Prova da baliza para tirar CNH ficará mais difícil com 2 manobras obrigatórias - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

Home Top Ad




PUBLICIDADE

16/03/2018

Prova da baliza para tirar CNH ficará mais difícil com 2 manobras obrigatórias


Se a prova da baliza já é o terror dos solicitantes da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria B (carros de passeio), a situação deve piorar a partir de junho deste ano, quando os inspetores devem exigir duas manobras no teste, uma paralela à calçada e outra perpendicular.

Atualmente, apenas uma manobra do tipo é exigida. Quem define qual é necessária para passar na prova é o Detran de cada estado. Isso deve valer só até 5 de junho.

Para padronizar as provas em todo o país, o Contran publicou na última semana uma resolução que exigirá de todos os alunos os dois tipos de manobras.

Ou seja, para ser aprovado, o condutor deverá fazer uma manobra de estacionamento paralelo ao meio fio e também uma entrada perpendicular à calçada, simulando uma garagem, com a retirada do veículo.

O comprimento e a largura da vaga continuam os mesmos: tamanho do veículo mais 40%. O tempo máximo para fazer cada uma das manobras é de cinco minutos, com no máximo três tentativas.

O candidato será eliminado da prova de baliza se somar 5 pontos ou mais em faltas.

Falta gravíssima (5 pontos): provocar acidente, estourar o tempo e as tentativas de baliza, subir no meio fio, encostar ou derrubar a baliza, deixar de dar preferência a pedestre e bicicleta, não completar alguma etapa do exame.
Falta grave (4 pontos): perder o controle avançando sobre outra faixa, deixar a porta aberta ou semiaberta, não sinalizar a manobra, não usar cinto de segurança, não acionar o limpador de para-brisa sob chuva.

Falta média (3 pontos): fazer o percurso sem estar com o freio de mão totalmente livre, deixar o carro morrer, dirigir com apenas uma mão (exceto quando mudar marcha ou sinalizar), sair com o carro sem olhar no retrovisor fazendo movimento para diminuir o ponto cego e utilizar as marchas de maneira incorreta.

Falta leve (2 pontos): falhar no ajuste do banco, não arrumar os espelhos retrovisores, interpretar incorretamente o painel de instrumentos, dar partida sem estar em ponto morto ou acionar a embreagem, tentar sair sem engatar marcha, usar a buzina ou as luzes do veículo incorretamente, encostar no meio fio.

Via: Globo Esporte
16/03/2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 984040-254

Post Bottom Ad

Pages