Polícia descobre esquema de desvio de remédios em Nilópolis - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

20/01/2020

Polícia descobre esquema de desvio de remédios em Nilópolis


Uma quadrilha especializada na compra e venda de medicamentos roubados foi desarticulada, na quinta-feira da semana passada (16/01), durante uma operação conjunta entre policiais da 57 DP (Nilópolis) e agentes da Delegacia Especializada em Investigação e Repressão ao Furto, Roubo e Desvio de Cargas - DEPATRI - de Minas Gerais. A organização criminosa teria movimentado cerca de R$ 8, 7 milhões entre 2018 e 2019.



Na ação, as equipes estouraram três depósitos de medicamentos em Nilópolis e recuperaram uma carga com milhares de produtos hospitalares. Seis integrantes da quadrilha foram presos, incluindo um funcionário da prefeitura de Nilópolis, que foi preso em flagrante logo após desviar medicamentos de um dos postos de saúde da cidade. A quadrilha também é responsável por receptar uma carga avaliada em mais de R$ 7 milhões de remédios para tratamento de câncer, referente a uma carga roubada no estado de Minas Gerais e logo após comercializada no estado do Rio Grande do Sul.



Segundo as investigações, o bando atua com mais de 17 empresas de fachada para revenda de medicamentos, além de realizar a falsificação de notas fiscais para esconder a procedência ilícita dos remédios para posteriormente comercializá-las com clínicas e hospitais públicos e privados em todo o Brasil. Entre os presos, há um funcionário da prefeitura de Nilópolis. Ele era responsável por desviar medicamentos da prefeitura de Nilópolis e revendia para empresas privadas envolvidas no esquema criminoso. Ele é outros dois comparsas foram indiciados por peculato e organização criminosa.

Também foram presos outros três membros da quadrilha, funcionários da empresa MEDICAL RIO, e responsáveis por receptar os medicamentos subtraídos e os revender através de notas fiscais falsas nos pregões eletrônicos.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

20/01/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages