Primeiro dia de cadastramento de artesãos de Nova Iguaçu atrai mais de 50 artistas - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

1.20.2020

Primeiro dia de cadastramento de artesãos de Nova Iguaçu atrai mais de 50 artistas


Mais de 50 pessoas se inscreveram no primeiro dia de cadastramento dos novos artesãos no Programa Municipal de Artesanato da Prefeitura de Nova Iguaçu. O atendimento, que começou nesta segunda-feira (20), na sede da Fundação Educacional e Cultural de Nova Iguaçu (FENIG), acontece até o dia 14 de fevereiro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. O cadastro só vale para artesãos moradores da cidade. A expectativa é que 400 novos artesãos sejam credenciados e se juntem aos 1.250 já certificados pela fundação.

Na próxima etapa, os artesãos cadastrados irão passar por uma avaliação a partir do dia 15 de fevereiro, quando deverão demonstrar aptidão para o artesanato. Os aprovados receberão certificado e credencial para trabalhar nos eventos promovidos pela FENIG. Além disso, receberão uma carteira que lhes dará descontos de até 20% na compra de matérias-primas para a fabricação de seus produtos.

“Agora que me cadastrei, o próximo passo é me profissionalizar e me tornar uma artesã reconhecida não só em minha cidade”, diz a artesã e professora de educação infantil, Vivian Teixeira do Nascimento, de 44 anos. “A carteirinha vai me abrir portas para novas oportunidades e também poder comprar materiais com desconto. Já aprendi que devemos montar uma página nas redes sociais para divulgar meu trabalho. Com o dinheiro que ganho com o artesanato, pago a mensalidade da minha faculdade de pedagogia”.

Mais de 50 pessoas participaram nesta segunda-feira (20) do seminário “Artesanato como negócio”, realizado no Patronato, em uma parceria da FENIG com o Sebrae. Foram abordados vários temas como os benefícios de Microempreendedor Individual (MEI), design de produto e a importância do ponto de venda como forma de alavancar seus negócios. 

“Entendemos que as pessoas precisam se profissionalizar e tornar seu negócio como fonte de renda para que possa se sustentar, tornando-se um empreendedor”, afirma o superintendente da área técnica da Fenig, Décio Lima.

Especialista em fazer arte no pano de prato, pintura em tecido e crochê, a artesã Kelly Andrade Silva, de 61 anos, também se cadastrou no Programa Municipal de Artesanato da Prefeitura de Nova Iguaçu e acredita que sua renda mensal vai aumentar.

“Atualmente recebo um salário mínimo por mês, mas com o cadastro, essa renda pode dobrar. Não poderia perder essa oportunidade”, garantiu ela.

A FENIG fica na Rua Governador Portela 812, 2º andar, Centro. Para se cadastrar, o interessado deverá levar carteira de identidade e comprovante de residência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

Post Bottom Ad

Pages