Iabas não sabe quando hospitais de campanha de Duque de Caxias e Nova Iguaçu vão abrir - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

29/05/2020

Iabas não sabe quando hospitais de campanha de Duque de Caxias e Nova Iguaçu vão abrir


Enquanto as pessoas estão morrendo por agravamento da Covid-19, o Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (Iabas) disse que ainda não tem data para as inaugurações dos Hospitais de Campanha de Duque de Caxias e Nova Iguaçu. A notícia veio como uma bomba para os moradores da Baixada Fluminense.



Somente na cidade de Nova Iguaçu, o Hospital modular já teve 5 adiamentos de abertura, enquanto isso, o Hospital da Posse, segue recebendo todos os pacientes contaminados pela doença. Caso já estivesse aberto, o hospital de campanha de Nova Iguaçu teria 200 leitos, e 40 de UTI para salvar vidas.Atualmente, Caxias possui 1.291 casos confirmados do novo coronavírus e 220 óbitos. Já Nova Iguaçu 1.380 confirmados e 159 óbitos da doença. A Iabas se manifestou através de uma nota.



"O IABAS e a Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro se reunirão nesta sexta-feira, 29, às 16 horas, quando discutirão a estratégia para o enfrentamento das dificuldades criadas pela suspensão dos pagamentos imposta pelo TCE, agravando ainda mais a dificuldade de contratação de médicos e pessoal técnico para a unidade de São Gonçalo. O IABAS já vinha enfrentando resistência por parte dos profissionais de saúde em trabalharem nesta unidade em consequência da insegurança da região, agravada pela manifestação violenta por parte do deputado Filippe Poubel e um grupo de simpatizantes armados.



Desta forma, a entrada em operação do hospital ficou comprometida. Há também falta no mercado de medicamentos essenciais ao tratamento de pacientes graves. Aliado a estes fatos, o CREA e o Ministério Público do Trabalho notificaram o IABAS para realizar adequações na estrutura. Diante disso, o IABAS solicitou uma reunião com a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro na tarde desta sexta-feira para encontrar uma solução que cause menos transtornos à população. Na mesma reunião será discutido um novo cronograma de entrada em operação das demais unidades, que também podem ter a entrega comprometida pelo corte de recursos." Disse a nota.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

29/05/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages