São João de Meriti sofre com a falta de profissionais da saúde em meio à pandemia - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

15/05/2020

São João de Meriti sofre com a falta de profissionais da saúde em meio à pandemia


SÃO JOÃO DE MERITI - Em meio a pandemia do novo coronavírus, o Hospital Municipal Abdon Gonçalves tem leitos vazios, muitos até com respirador. A unidade está totalmente equipada e muito perto de ser inaugurada, porém o essencial ainda está faltando, os profissionais da saúde. De acordo com o diretor do hospital, Altair Soares. o local possui 30 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes com a covid-19, mas o maior problema no momento, está sendo com o RH. 



“A gente tem um problema crônico de RH por dois motivos: primeiro porque todos precisam de médicos, enfermeiros e fisioterapeutas, porque o trabalho está sendo muito exaustivo, e segundo porque os próprios médicos, enfermeiros e fisioterapeutas estão ficando doentes. Eu já tive perda de quase 40% do total do meu RH.” Disse Altair Soares. A unidade tem promessa para ser aberta na próxima semana.



O prefeito da cidade Dr. João, disse que já fez apelo direto governador Wilson Witzel e ofereceu um espaço que fica as margens da Rodovia Presidente Dutra, para a construção do hospital de campanha na cidade, mas ainda não teve uma resposta favorável. Meriti possui até a data de hoje, 463 casos confirmados da doença e 43 óbitos. Somente Nova Iguaçu e Duque de Caxias, municípios da Baixada, terão a construção de hospital modular.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

15/05/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages