Hospital da Posse registra queda no estoque de sangue e convoca doadores - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

13/06/2020

Hospital da Posse registra queda no estoque de sangue e convoca doadores

HGNI convoca doadores de sangue após registrar queda no estoque
No Dia Mundial do Doador de Sangue, celebrado neste domingo (14), o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) faz um alerta para a redução no número de doações devido à pandemia do novo coronavírus. O banco de sangue de uma das principais emergências da Baixada Fluminense ,com perfil para casos de trauma (acidentados, baleados, feridos por arma branca, entre outros), coletou, em maio, cerca de 160 bolsas, representando cerca de 75% a menos que o ideal, que são 600 doações por mês. Nos 10 primeiros dias de junho, foram atendidos 36 doadores.

Para garantir segurança na doação e evitar a aglomeração de pessoas, o HGNI disponibilizou o agendamento através do telefone e Whatsapp (21) 97663-9352, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Já a doação acontece das 7h30 às 12h30. Além disso, o banco de sangue tomou cuidados necessários para garantir que a coleta seja feita de forma segura, orientando os doadores a higienizar as mãos ao chegar, antes e após a doação. As salas de triagem, de coleta, copa e recepção são higienizadas regularmente durante o dia.
“Quero de agradecer a todas as pessoas que doam sangue no hospital, o papel de vocês é fundamental e quero fazer um apelo para sensibilizar a população sobre a necessidade de doar sangue. Estamos com mais de 70% do estoque reduzido. Isso traz um risco grande, pois o hospital recebe baleados, atropelados e esfaqueados, que precisam de sangue em muitas das vezes por causa das cirurgias”, afirma o diretor geral do HGNI, Joé Sestello, que garantiu que a doação é segura. “Estamos tomando todos os cuidados necessários para evitar contaminação em função da pandemia. Por isso, agende sua doação e nos ajude a salvar vidas”.

Doador de sangue há mais de 20 anos, Adailton Oliveira Santos, de 42 anos, decidiu praticar mais uma vez este gesto de solidariedade com o próximo. Ao saber que o HGNI precisava ampliar o estoque, ele não pensou duas vezes e agendou por telefone sua doação, que aconteceu na última sexta-feira (12). O eletricista foi uma das oito pessoas aptas a doar, número abaixo do ideal que é de 20 doações por dia.

“Muitas pessoas precisam de sangue para cirurgias e essa demanda cresce bastante também em hospitais. Por isso que eu agendei minha doação no Hospital da Posse, pois sei da demanda e estou ajudando, de alguma forma, a salvar vidas”, garante Adailton, que reforçou o pedido. “As pessoas têm receio por causa dessa pandemia, mas é todo o procedimento de coleta é feito corretamente. Venham doar”.

Quem pode doar

– Pessoas entre 16 e 69 anos que estejam bem de saúde e pesem mais de 50 quilos

– Não é necessário estar em jejum.

– Não pode doar quem ingeriu alimentos gordurosos nas últimas quatro horas ou bebidas alcoólicas no dia anterior.

– Vacinados contra o sarampo devem aguardar no mínimo 30 dias.

– Casos suspeitos de Covid devem aguardar 30 dias e confirmados 90, a partir da recuperação total do quadro clínico

– Mulheres que estejam amamentando só podem doar após 6 meses

– Quem tem tatuagem só pode doar após 1 ano.

– Gestantes não podem doar

– Menores de idade de 16 e 17 anos também podem ajudar a salvar vidas, porém precisam da autorização dos pais ou responsáveis. O modelo de declaração está disponível no site do Hemorio: (http://www.hemorio.rj.gov.br/html/pdf/menor_idade.pdf).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages