Pronto desde o ano passado, Hospital modular de Nova Iguaçu será inaugurado em abril - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

terça-feira, março 02, 2021

Pronto desde o ano passado, Hospital modular de Nova Iguaçu será inaugurado em abril


NOVA IGUAÇU -
O hospital modular de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, vai aumentar a capacidade de atendimento na região. A unidade recebeu o nome do Dr. Ricardo como homenagem a um dos cirurgião, vítima da Covid.

O hospital custou cerca de R$ 68 milhões aos cofres do governo do estado do Rio de Janeiro, ficando pronto em julho do ano passado, mas até o momento, nunca tratou de nenhum paciente infectado pelo vírus. Durante a visita técnica nesta quarta-feira (02) ao município, o Governador Claudio Castro disse que a unidade será inaugurada dia 15/4 e ajudará a desafogar outros hospitais da Baixada.

O hospital contará com 150 leitos, sendo 90 de enfermaria e 60 de UTI. Todos serão destinados exclusivamente ao tratamento de pacientes com a covid-19. Após a pandemia, as vagas serão utilizadas como leitos de retaguarda para a Baixada.

Fotos: Carlos Magno

- Dia 15 de abril, uma quinta-feira, às 17h. Conversei com o Chaves e esta é a data para a inauguração da unidade. É um triste capítulo da história do Rio que precisamos virar a página. Precisamos fazer com que essa unidade seja um legado para a população. Temos uma unidade completa aqui que precisa atender o povo da Baixada Fluminense - afirmou o governador em exercício Cláudio Castro.

Na ocasião, Castro também anunciou que o equipamento, construído pelo Governo do Estado, passa a se chamar Hospital Estadual Dr. Ricardo Cruz.


Dr. Ricardo Cruz

O médico, que morreu vítima da covid-19 no ano passado, aos 66 anos, foi um dos mais brilhantes cirurgiões do país na especialidade crânio-maxilo-facial.

Dr. Ricardo ficou conhecido não somente pela capacidade técnica, mas também pelo carinho e compaixão que dedicava a todos os seus pacientes na sua prática diária.

Fotos: Carlos Magno

- Recebemos a notícia com muita emoção porque é um reconhecimento enorme você receber o nome de um hospital, ainda mais uma unidade enorme como essa. O Ricardo foi alguém que viveu para a medicina desde dos seus 17 anos e ficaria muito feliz de saber que uma região como a Baixada terá uma unidade com o nome dele, principalmente dedicada ao combate da Covid - explicou Denise Cruz, viúva do médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Post Bottom Ad

Pages