Servidores estão sem receber salários desde janeiro em Belford Roxo - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

quarta-feira, março 10, 2021

Servidores estão sem receber salários desde janeiro em Belford Roxo


BELFORD ROXO - Funcionários público de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, afirmam que estão há três meses sem receber salário. Segundo eles, a prefeitura não dá nenhuma resposta sobre o caso, que já se estende desde janeiro.

No momento, os salários atrasados atingem Profissionais da Saúde, Assistência Social e Educação. Os trabalhadores ainda denunciam que a prefeitura havia divulgado um site para recadastramento dos funcionários, mas o link não funcionava.

“Não sei mais o que fazer. Amigos se juntaram para me ajudar, pois viram de longe meu desespero, pois moro de aluguel e não tenho nem o que comer direito”. Disse uma funcionária de uma escola municipal de Heliópolis.

“Nós somos perseguidos aqui. Se a gente tenta reclamar, aí mesmo que eles não pagam {marcam a nossa cara como inimigos deles}. Uma ditatura real.” Contou uma servidora de uma creche, que pediu anonimato.

“Esse recadastramento era feito em duas partes. Nós fizemos online, uns conseguiram e tiveram pessoas que não conseguiram porque o endereço que a prefeitura passou estava errado. Quando chegou o dia e a pessoa foi, eles não deixaram a pessoa fazer. Eles proibiram a pessoa de fazer. Então, automaticamente, a prefeitura cortou o salário de janeiro”, afirmou Márcia Rodrigues.

Procurada, a prefeitura se manifestou através de uma nota e contestou. 

“Os salários dos servidores estão em dia. O protesto está sendo feito por um grupo de pessoas que não fez o recadastramento, que começou no dia 18 de janeiro e foi até 5 de fevereiro. O servidor preenchia um formulário pelo site e, em data marcada e publicada no diário oficial para evitar aglomeração, o funcionário apresentava a documentação exigida na Secretaria de Administração e concluía o recadastramento. O decreto que estabeleceu o recadastramento alertava para  bloqueio de pagamento para quem não se apresentasse para entregar a ficha. O recadastramento foi amplamente divulgado nas redes sociais da Prefeitura e em matérias de jornais, sites e blogs.

O recadastramento foi elaborado após uma auditoria constatar que vários funcionários estavam recebendo salários sem trabalhar, causando prejuízos aos cofres públicos.  A atual gestão prima pelo zelo com a coisa pública, pois os recursos desperdiçados podem ser investidos na Saúde, Educação e obras, entre outras áreas” disse a nota.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

10/03/2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Pages