Belford Roxo oferece curso de cuidador de idoso que já formou mais de 180 mulheres - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

7.16.2021

Belford Roxo oferece curso de cuidador de idoso que já formou mais de 180 mulheres


O Centro Especializado de Atendimento à Mulher de Belford Roxo (Ceambel), em Santa Amélia, está realizando o curso de cuidador de idosos para as mulheres cadastradas no equipamento, vítimas de violência ou para as que possuem o CadÚnico. As aulas da primeira turma desse ano já começaram e contam com 38 mulheres e uma fila de espera para novas turmas em agosto. As interessadas devem ter de 18 a 55 anos e ir à unidade de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, munidas de duas fotos 3x4, identidade, CPF, comprovante de residência, folha de resumo do CadÚnico e comprovante de escolaridade (é necessário ter o ensino médio completo).

O curso começou a ser oferecido em 2019 e já certificou mais de 180 mulheres. A coordenadora especial do Ceambel, Ana Cristina de Souza Luiz, explicou que quem não tiver o ensino médio completo é encaminhado à EJA (Educação Jovens e Adultos) para completarem seus estudos e possam estar se qualificando posteriormente. “É fundamental para que as mulheres referenciadas nos Cras (Centro de Referência da Assistência Social) saibam que CadÚnico não é só bolsa família. Elas têm direitos a diversos serviços, como por exemplo, cursos, descontos em faculdades, isenções e passe interestadual. E com esse curso tem a oportunidade de serem inseridas no mercado de trabalho”, destacou Ana Cristina.

Enfermeira há oito anos, com duas pós-graduações e professora de faculdades e cursos técnicos, Cibele Athayde é quem está ministrando o curso no Ceambel. Para ela, o projeto marca o empoderamento da mulher que através da qualificação consegue sua liberdade financeira e tem renda para sustentar sua família. “Com a apostila, passo para as alunas tópicos importantes como as principais doenças que acometem os idosos, que é o caso da hipertensão, diabetes, Alzheimer e Parkinson, além de ensinar a aferir pressão arterial, a retirar da cadeira e passar para a cama, encaminhar para o banho e posições”, explicou Cibele.
Roberta e Maraísa veem no curso de cuidador de idosos uma oportunidade de trabalhar

Encontros uma vez por semana

Os encontros teóricos acontecem uma vez por semana durante quatro semanas, onde é feita uma avaliação. A partir da nota, a aluna é encaminhada a uma das duas Instituições de Longa Permanência parceiras em São Vicente ou Centro para as aulas práticas. Aos 32 anos, Roberta Santos ficou sabendo do curso por uma amiga, achou interessante e decidiu se matricular. “Conheço algumas pessoas que conseguiram trabalho depois de fazer o curso. Além de ser gratuito e rápido, o que me incentivou foi ver como mudou a vida financeira de uma amiga. Minha expectativa é grande para me qualificar e conseguir um emprego nesse momento tão difícil”, disse Roberta.

Maraísa Maria de Jesus, 26, também não ficou para trás. Sabendo que estava passando por um momento difícil em sua vida, uma conhecida indicou o curso para ela. “Essa oportunidade apareceu em um momento muito bom. Terminando o curso vou dar tudo de mim para conseguir um emprego, sair do aperto e ter a liberdade do meu próprio dinheiro. Esse projeto maravilhoso ajuda e vai ajudar ainda mais mulheres, principalmente as dependentes, a conquistarem sua liberdade financeira ou ter uma renda. A mulher é dona do seu próprio destino”, garantiu Maraísa.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

16/07/2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Post Bottom Ad

Pages