Justiça decreta prisão de policial civil que matou jovem com tiro na cabeça em Queimados; agente está foragida - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

sábado, dezembro 18, 2021

Justiça decreta prisão de policial civil que matou jovem com tiro na cabeça em Queimados; agente está foragida


A justiça decretou a prisão da policial civil apontada por atirar e matar a jovem Isadora Calheiros, de 25 anos. O crime aconteceu no mês passado, dia 26 de novembro, no bairro São Roque, em Queimados, na Baixada Fluminense. 

A prisão foi determinada pelo juiz do Tribunal do Júri da Comarca de Queimados. A acusada Carla Patrícia Novaes da Silva Melo, como ainda não foi localizada, já é considerada foragida.

A ordem de prisão atendeu pedido feito pela promotora Elisa Pittaro, da 2a Promotoria de Investigação Penal Especializada dos Núcleos de Nova Iguaçu e de Duque de Caxias.

Carla Patrícia Novaes da Silva Melo é considerada foragida Foto: Reprodução

A promotora denunciou a inspetora pelo assassinato da estudante de direito e secretaria de autoescola Isadora Calheiros Gomes Pedrosa, de 25 anos. Ela era mãe de dois filhos, sendo um deles com necessidades especiais. O crime aconteceu no último dia 26 de novembro, em Queimados, na Baixada Fluminense, meses depois da policial ter descoberto que seu marido manteve uma relação extraconjugal com a vítima. Entenda todo o caso aqui.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Publicado em 18/12/2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Pages