‘Café Cidadão’ promove diálogo entre gestão e usuários de Cras em Belford Roxo - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

16/02/2022

‘Café Cidadão’ promove diálogo entre gestão e usuários de Cras em Belford Roxo


A Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Mulher de Belford Roxo retomou essa semana com o projeto Café Cidadão, um espaço de diálogo entre a gestão e usuários dos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) com o objetivo de interagir sobre o Sistema Único de Assistência Social e o que é necessário para assistir a necessidade dos usuários. Na última terça-feira (15-02), o projeto esteve nos Cras Santa Marta e Sargento Roncalli. Nesta quarta-feira (16-02), o diálogo foi nos Cras Nova Aurora e Shangrilá. Quinta-feira (17-02), será no Cras Centro e no Projeto Futuro Brilhante, no Babi, e por fim, na sexta-feira (18-02), nos Cras Wona e Parque Suécia.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Cidadania e Mulher, Brenda Carneiro, o projeto o poder público cada vez mais próximo dos usuários. “Estamos trazendo para dentro dos Cras todas as normativas da assistência social como um todo e, principalmente, o que o município está contribuindo e investindo e que ainda vai fazer. Essa é uma troca fundamental que com todo o movimento em pandemia, mas com as medidas de segurança, podemos ter esse contato olho no olho outra vez”, ressaltou Brenda.


A secretária executiva da Assistência Social, Carla Fernandes, lembrou que o projeto teve início quando a deputada federal Daniela do Waguinho estava como secretária da pasta. “A ideia era estar mais próximo dos usuários, entender a política no olhar deles. E hoje nada mais é do que uma roda de conversa aonde a gestão está com os usuários tirando dúvidas e ouvindo deles qual a sua necessidade e até aonde podemos suprir essas demandas, fazer a articulação com as demais políticas para poder atender” explicou Carla.

Na edição que aconteceu no Cras Sargento Roncalli, Elena Braga Jacob se mostrou bem participativa e contou sobre sua ligação com o equipamento. “Estou desde 2010 no Cras e participo de todas as atividades e passeios. Minha família toda é cadastrada aqui. Aprendo muito, como agir, como trabalhar, faço trabalho de convivência e todos os meus direitos eu tenho. Essa ação tem que se estender para toda a comunidade, pois é necessária essa participação de referência para a população”, disse. No mesmo bairro, Alcides de Souza Soares destacou o bom atendimento. “Tomara que tenham mais ações como essas para estarmos sempre bem informados e esclarecer para as pessoas que não sabiam de seus direitos”, resumiu.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Publicado em 16/02/2022

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages