Condenado por estupro é preso por se passar por motorista de aplicativo para atacar mulheres na Baixada - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

10/02/2022

Condenado por estupro é preso por se passar por motorista de aplicativo para atacar mulheres na Baixada


Policiais civis prenderam Eberton Mello Santos da Silva, de 34 anos, por se passar por motorista de aplicativo para atacar mulheres na Baixada Fluminense. Ele já foi condenado por estupro e vinha sendo monitorado pela polícia. 

De acordo com agentes da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam), de São João de Meriti, há nove anos, ele já havia sido preso e condenado a quinze anos de prisão pelo estupro de uma adolescente, ocorrido em 2012. A vítima tinha 15 anos. 

Em liberdade condicional desde novembro do ano passado, ele era procurado por outro estupro, que aconteceu em dezembro

Ainda conforme os agentes, o preso andava com o carro e esperava que as vítimas pedissem o serviço. Assim que as mulheres solicitavam a corrida por meio do aplicativo, o acusado cometia os estupros. Após denúncias e registros de ocorrência, os policiais realizaram um trabalho de inteligência e monitoramento e identificaram o suspeito, que foi localizado e preso em São João de Meriti.

Contra ele foi cumprido um mandado de prisão. Fazendo o uso de tornozeleira, ele estava em liberdade condicional havia três meses. 

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Publicado em 10/02/2022

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages