Hospital Geral de Nova Iguaçu recebe doações de sangue de integrantes de roda de samba - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

20/04/2022

Hospital Geral de Nova Iguaçu recebe doações de sangue de integrantes de roda de samba



Samba e solidariedade se misturaram em uma batida perfeita no Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) nesta quarta-feira (20). Membros do projeto social “Roda de Samba Amigos Para Sempre”, que funciona em São João de Meriti, se organizaram e foram doar sangue às vésperas do feriado prolongado, época em que, tradicionalmente, o número de doadores diminui.

Com o apoio do grupo, além de acompanhantes, amigos e outras pessoas que estão com um parente internado, o HGNI alcançou 42 doações somente nesta quarta. Teve até um samba improvisado convidando a todos que passavam pelo local para doar sangue. Apesar dos bons números, o estoque de sangue continua em níveis baixos e as doações precisam ser feitas regularmente.

O diretor-geral, Joé Sestello, acompanhou e agradeceu a cada integrante da roda de samba pelo gesto de doar sangue. Ele relembrou a importância de manter o estoque abastecido para ajudar a equipe médica a salvar vidas dos pacientes que chegam de toda a Baixada Fluminense à emergência.

“Recebemos pacientes vítimas de traumas, aqueles com doenças graves, como o câncer, que têm em comum a necessidade de fazer cirurgia e podem precisar de transfusão sanguínea. Por isso, doar sangue é um ato fundamental. Precisamos da consciência da população para trazer isso à realidade das pessoas que um dia possam precisar”, ressalta.

Doador há mais de 20 anos, o microempreendedor Edson Nascimento de Oliveira, de 53 anos, organizou a doação de sangue no HGNI pensando em ajudar ao próximo. Presidente e fundador da “Roda de Samba Amigos Para Sempre”, ele conta que a ação surgiu após sua esposa ficar internada em outra unidade hospitalar e precisar de doações, mas o número de doadores foi abaixo do esperado.

“Comecei a chamar as pessoas e incentivar para doar o sangue, que é uma característica de um projeto social. Somos da Baixada Fluminense e decidimos ajudar um hospital que atende pessoas da região. O sentimento é de ajudar ao próximo, sabemos que vamos salvar vidas. Queremos voltar em julho para doar com mais pessoas”, explica.


O produtor de eventos Vinicius Rubens da Silva, de 21 anos, doou sangue pela segunda vez no HGNI. Isso o inspirou a retornar, ao lado de todo o grupo da roda de samba, e relembrou a importância do projeto.

“É um projeto que tem a ação social, de arrecadar cestas básicas para pessoas, tirar elas da rua e agora, de doar sangue. Quando a gente faz o bem para alguém, fazemos bem para nós mesmos”, declarou.


A diarista Silvana Gonzaga de Carvalho, de 44 anos, doou sangue pela segunda vez e garantiu que este ato de empatia é importante para quem precisa.

“O próximo precisa de ajuda. O sentimento de doar sangue é maravilhoso, sabendo que outras pessoas podem se levantar através disso, me motiva mais ainda”, conta ela.

Banco de sangue irá funcionar no ponto facultativo

Na próxima sexta-feira (22), ponto facultativo na cidade de Nova Iguaçu, o Banco de Sangue do HGNI irá abrir as portas para receber os doadores. O setor vai funcionar das 7h30 às 12h30.

Para doar, é necessário ter entre 18 e 69 anos, sendo que os maiores de 60 precisam ter doado anteriormente. É preciso estar bem de saúde, pesar mais de 50 quilos. Quem foi vacinado contra a Covid-19 deve aguardar sete dias para fazer sua doação. Quem contraiu a doença precisa esperar um mês. Não é necessário estar em jejum, mas a doação é contraindicada para pessoas que ingeriram bebida alcoólica no dia anterior ou comidas gordurosas nas últimas quatro horas. Os menores de idade também podem ajudar. Basta que os pais ou responsáveis assinem o termo de autorização disponibilizado no site do Hemorio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages