Queda de popularidade e rejeição a Rogério Lisboa só aumentam em Nova Iguaçu - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

Home Top Ad




PUBLICIDADE

03/11/2018

Queda de popularidade e rejeição a Rogério Lisboa só aumentam em Nova Iguaçu


NOVA IGUAÇU - Próximo de completar dois anos de seu mandato, a popularidade de Rogério Lisboa (PR) só vem caindo diante dos eleitores da cidade de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Isso porque segundo alguns moradores, o prefeito ainda não mostrou de fato para que veio. Nem com a reinauguração do viaduto Padre João Musch, no Centro, que ocorreu na última quarta-feira (31), fez alavancar a popularidade do executivo.

Marqueteiros acreditam que o prefeito teria uma carta na manga. Rogério foi eleito com 63,91% votos (238.081) , contra 36,09% votos (134.422) do seu adversário, que na época era Nelson Bornier (PMDB, hoje MDB), que buscava a reeleição.

Foi só acabar as eleições de 2018 que opositores aproveitaram o momento para espalhar uma arte de #EleNão em grupos da cidade. Já movimentando a rede.

Foto montagem escrito 2020 #EleNão tem rodado a rede social
Na cidade, Rogério tem como dois aliados, o Deputado Luiz Martins (PDT) que garantiu sua releição obtendo 38.449 votos e Juninho do Pneu (DEM) que garantiu uma vaga na câmara Federal obtendo 45.087 votos no Rio de Janeiro no 1º turno das Eleições 2018. Será que a carta na manga seriam os dois políticos? Agora é aguardar os próximos capítulos da novela do poder na Baixada Fluminense.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Jornal Destaque Baixada (21) 98404-0254

Por: Redação Jornal Destaque Baixada
Reportagem Aline Alencar
03/11/2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 984040-254

Post Bottom Ad

Pages