Belford Roxo inaugura Cras do Sargento Roncalli e Centro de Convivência Marcos Jorge Pontes Medeiros - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

07/08/2020

Belford Roxo inaugura Cras do Sargento Roncalli e Centro de Convivência Marcos Jorge Pontes Medeiros


A Prefeitura de Belford Roxo inaugura nesta sexta-feira (07-08), às 17h, o CRAS VII – Roncalli e o Polo de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Marcos Jorge Pontes Medeiros, que funcionará no CRAS.

Os principais serviços oferecidos no Cras são: cadastro único, Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC). A unidade terá terá uma equipe multidisciplinar composta por assistente social, psicólogo, funcionários da parte administrativa, orientadores sociais do serviço de convivência e um oficineiro.

O Cras terá recepção, brinquedoteca, sala da coordenação, sala dos técnicos, sala multifuncional, sala individualizada, cozinha e banheiros, sendo dois adaptados para pessoas com deficiência.

Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV)

De caráter preventivo, o SCFV, além de buscar fortalecer os vínculos familiares e comunitários, procura desenvolver capacidades nos usuários, gerando autonomia e protagonismo através da troca de experiências e integração entre os participantes do grupo. De forma geral, os objetivos são: prevenir situações de risco social; fortalecer a convivência familiar e comunitária; e assegurar o direito à convivência familiar e comunitária.

O Serviço de Convivência e Fortalecimento dos Vínculos complementa o trabalho social com famílias ofertado pelo Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF), e, pelo, Serviço de Proteção e Atendimento Especializado às Famílias e Indivíduos (PAEFI) da Proteção Social Básica do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

A quem se destina?

Os usuários que vivenciam as mais diversas situações de vulnerabilidade podem ser atendidos pelo SCFV, porém, algumas situações de risco social são prioritárias no atendimento. O público prioritário do serviço são crianças, adolescentes e pessoas idosas nas seguintes condições: em situação de isolamento; trabalho infantil; vivência de violência e/ou negligência; fora da escola ou com defasagem escolar superior a dois anos; em situação de acolhimento; em cumprimento de medida socioeducativa em meio aberto; egressos de medidas socioeducativas; situação de abuso e/ou exploração sexual; com medidas de proteção do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA); crianças e adolescentes em situação de rua; vulnerabilidade que diz respeito às pessoas com deficiência.

Todas as ações do SCFV são planejadas com a finalidade de fortalecer os vínculos familiares e comunitários por meio de intervenções sociais, criando situações desafiadoras e estimulantes, orientando os usuários na reconstrução de suas histórias. Por isso, realiza atendimentos em grupo, organizados conforme a idade dos usuários, ofertando atividades artísticas, culturais, de lazer e esportivas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages