Secretária é afastada em operação da PF que mira compra irregular de respiradores em Japeri - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

10.06.2020

Secretária é afastada em operação da PF que mira compra irregular de respiradores em Japeri


A operação batizada como 'Apneuse', afastou a secretária de saúde Rozilene Souza Moraes dos Anjos, em Japeri, na Baixada Fluminense. O trabalho foi realizado em parceria com a Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF). O objetivo é apurar irregularidades na compra de equipamentos para o combate à pandemia de Covid-19 pelo município. A Controladoria-Geral da União (CGU) também participou da ação.

Investigação

A investigação aponta indícios de irregularidades na compra de 10 respiradores pulmonares, fabricados nas décadas de 1980 e 1990, sem certificação junto à Anvisa desde o ano de 2000, por preço superior aos praticados no mercado para compra de um respirador novo. A Secretaria Municipal de Saúde também adquiriu 20 monitores cardíacos, 5,6 mil equipamentos (enterais, paraenterais e fotossensíveis) e 50 bombas infusoras, no valor total de R$ 1,8 milhão.

As fraudes praticadas têm potencial prejuízo aos cofres público, devido aos respiradores serem considerados obsoletos e a ocorrência de sobrepeso de R$ 210.317,50 na compra de bombas infusoras. Também há suspeita de atuação articulada de agente público e a empresa contratada para o fornecimento de equipamentos. A equipe de reportagem aguarda retorno da prefeitura e não conseguiu contato com a defesa da secretária.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

06/10/2020 
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages