Agravamento da Covid-19 obriga Hospital Geral de Nova Iguaçu a ampliar setores de atendimento - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

3.29.2021

Agravamento da Covid-19 obriga Hospital Geral de Nova Iguaçu a ampliar setores de atendimento


A Prefeitura de Nova Iguaçu mais uma vez foi obrigada a reorganizar a estrutura do Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) devido ao aumento de atendimentos e internações por Covid-19 de pacientes que chegam de toda a Baixada Fluminense. A sala vermelha, local que recebia as vítimas de trauma, se torna agora mais um setor de UTI da Covid-19. Mesmo com a abertura de leitos extras na sala vermelha, até o final da manhã desta segunda-feira (29), a taxa de ocupação dos leitos de UTI era de 89%, enquanto os de enfermaria chegava a 90%.

Essa é mais uma medida para garantir assistência aos pacientes da região, uma vez que o Hospital Modular, criado pelo Governo do Estado há cerca de um ano para receber casos da Covid-19, ainda não entrou em funcionamento, o que colabora para a sobrecarga do HGNI. Todo o setor de trauma – composto pelas salas vermelha, amarela, verde e USI Unidade de Tratamento Semi-Intensivo – foi transformado em ala de internação para casos da doença. Desde o início da pandemia, cerca de 30% dos pacientes internados na ala da Covid-19 são de outros municípios.

O HGNI se tornou praticamente dois hospitais dentro de um. Além de receber casos da Covid-19, também segue atendendo as vítimas de trauma (baleados, vítimas de arma branca e acidentados) e agravos clínicos (AVC, infartos, diabetes, entre outros) normalmente. Um novo fluxo foi criado na Nova Emergência para atender os pacientes que não estejam com sintomas da Covid-19 com equipes distintas atuando na assistência. Médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e administrativos passaram por treinamento para reforçar os novos fluxos adotados pela unidade.

O HGNI também tomou outras medidas para reduzir o fluxo de pessoas na unidade. Os pacientes internados na área da Covid-19 não podem receber qualquer tipo de visitas. As dúvidas, orientações e entrevistas médicas acontecem no Núcleo de Apoio à Família (NAF) aos familiares. Já os pacientes que nas enfermarias para tratar outras doenças tiveram o tempo de visitação reduzido de uma hora para 30 minutos. Quem estiver com acompanhante não terá direito a visitante.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

29/03/2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

Post Bottom Ad

Pages