Exumação indica que grávida teve bebê retirado antes de ser assassinada no Rio - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

quarta-feira, agosto 11, 2021

Exumação indica que grávida teve bebê retirado antes de ser assassinada no Rio


Onde está o Bebê? A história da grávida que foi assassinada no Rio de Janeiro, ganha mais um capítulo Laudos preliminares sobre a exumação do corpo da manicure Thaysa Campos dos Santos, de 23 anos, confirmaram que o bebê esperado por ela não estava no ventre da vítima. A jovem estava grávida de 8 meses e foi encontrada morta em setembro do ano passado, em Deodoro, no Rio de Janeiro. .

O novo exame confirma o laudo feito pelo Instituto Médico-Legal (IML), que informava que a jovem estava sem o feto no ventre. A exumação do corpo de Thaysa ocorreu na última sexta-feira (6), no Cemitério da Penitência, no Caju.

Além da confirmação da ausência do feto, uma perita especializada em antropologia forense recolheu amostras da medula óssea da jovem assassinada. Elas serão examinadas para tentar descobrir se a vítima teria sido obrigada a ingerir algum medicamento abortivo para expelir o bebê.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

11/08/2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Post Bottom Ad

Pages