Belford Roxo debate prevenção a gravidez na adolescência com jovens da Guarda Mirim - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

21/02/2022

Belford Roxo debate prevenção a gravidez na adolescência com jovens da Guarda Mirim



A ações em alusão à Semana Nacional de Prevenção a Gravidez na Adolescência continuam em Belford Roxo. Na última semana, a Guarda Mirim Municipal realizou uma roda de conversa com o objetivo de promover a conscientização do tema com os jovens da rede pública de ensino que participam da Guarda Mirim. Além de palestras, o grupo participou de dinâmicas e pôde tirar dúvidas. Só em 2019 foram 50 adolescentes grávidas em Belford Roxo de 10 a 14 anos.




O encontro aconteceu no Polo Cederj, em São Bernardo, e contou com a participação da primeira dama e deputada Daniela do Waguinho, da diretora da unidade, Deiseli Costa Coutinho, dos advogados Manoel Max da Costa e Irislete do Nascimento Rosário, da enfermeira Tatiane Firmino de Azevedo e do psicólogo Paulo Patrocínio.




O evento foi dirigido pelos coordenadores do Projeto da Guarda Mirim, Thiago Magalhães da Silva, e Egídio Soares de Brito. “É muito importante explicar aos jovens as consequências de uma gravidez não esperada, pois implica no seu desenvolvimento social e profissional”, resumiu Thiago. “Esse é um tema muito complexo e delicado e temos buscando soluções e parcerias, pois aqui deparamos com casos de violência sexual ao adolescente. Mas em parcerias com a Saúde e Assistência Social buscamos esse entendimento mais aprofundado, já que não adianta passar informação sem o devido cuidado”, completou Egídio.




Conscientização e orientação









Para a primeira dama e deputada federal Daniela do Waguinho, que votou a favor da Semana Nacional de Prevenção a Gravidez na Adolescência, a campanha precisa ser permanente. “É necessário falar de sexualidade com nossos jovens e levar conscientização e orientação, não só sobre a gravidez mas como também as doenças sexualmente transmissíveis. O diálogo é a base de tudo e a escola também precisa fazer esse canal, assim como as próprias famílias. Estarei sempre apoiando causas que envolvam principalmente crianças e adolescentes. Precisamos fortalecer essas políticas públicas”, explicou a deputada.




Os responsáveis também foram convidados para o bate-papo. Presente em toda a palestra, Deise Torres, 34 anos, do lar, aprovou. “Em casa já converso sobre o assunto, pois meu filho é bem pra frente. Mas muitos têm vergonha de se abrir e não contam nada para a família. Dessa maneira, podem buscar orientação na escola e na guarda. Foi perfeito”, disse Deise ao lado do filho David Torres, 12. “Achei bem legal a conversa e gostei das dinâmicas. Essas palavras servem para muitos e seguirem a ideia de que não é legal engravidar na adolescência. Se para os adultos já é difícil, imagina para os adolescentes que ainda estão construindo suas vidas”, completou o menino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages