Na Régua: As pesquisas realizadas pelo projeto chegaram esse mês em Nova Iguaçu e em breve a região receberá escritório local - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

29/03/2022

Na Régua: As pesquisas realizadas pelo projeto chegaram esse mês em Nova Iguaçu e em breve a região receberá escritório local



O projeto Na Régua chegou na cidade de Nova Iguaçu em março e começa a atuar no bairro de Dom Bosco, para em breve prestar assistências técnicas e melhorias habitacionais no local. As expectativas são altas, saber que agora a população pode contar com profissionais de engenharia e arquitetura traz de volta esperança de um lar saudável. No momento está sendo realizada a etapa de pesquisa com visitas às casas de algumas famílias, para identificar as que se enquadram nos critérios de adesão do Na Régua.

Agora, o projeto - promovido pela Secretaria de Infraestrutura e Obras (Seinfra), por meio do Programa Casa da Gente – atinge a marca de 16 comunidades atendidas. Em parceria com a Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj), a ideia principal do Na Régua é prestar assistência de arquitetura e engenharia acessíveis, além de oferecer as melhorias habitacionais gratuitas, para assim devolver a milhares de famílias o direito à moradia digna, com enfoque na salubridade local.

- Nossos profissionais são treinados para ouvir as demandas, vistoriar os domicílios e propor soluções criativas de baixo custo que resolvam um problema real -, declara o subsecretário de habitação, Allan Borges. Já o secretário da Seinfra, Max Lemos, destaca também que o objetivo do projeto é alcançar as pessoas mais necessitadas. - Esse investimento permite o que estamos fazendo aqui, levando o que há de melhor para a população. O Na Régua veio para mudar o conceito de habitabilidade e chega às pessoas mais simples”, declara Lemos.

Entre os serviços oferecidos nos escritórios regionais, estão melhorias habitacionais que contemplem impermeabilização contra infiltração, pintura, assentamento de revestimentos, entre outras intervenções voltadas à salubridade e habitabilidade do domicílio. Para serem contempladas pelo Projeto “Na Régua”, as famílias precisam possuir uma única residência, residir há pelo menos três anos no local e receber até três salários mínimos. Idosos e pessoas com doenças respiratórias crônicas ou de fácil disseminação também têm prioridade.

As moradias escolhidas de acordo com critérios socioeconômicos poderão receber intervenções de pequenas reformas no valor de até R$15 mil. Para esta seleção, está sendo realizado o primeiro censo de inadequação habitacional da história do Estado do Rio de Janeiro, que já registrou quase 11 mil entrevistas.

Em breve

Assim como os outros territórios, Nova Iguaçu irá receber um escritório de assistência técnica para atender aos moradores locais. Por lá podem realizar as pesquisas para participar das melhorias habitacionais e receber o projeto de casa realizado por um profissional do Na Régua.

Os escritórios regionais funcionam de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h:

- Mangueira - Rua General Bento Ribeiro, nº 4 – Fundação Leão XIII
- Providência – Ladeira do Barroso, 229
- Serrinha - Rua Mestre Darcy do Jongo, nº 162 – CUPA
- Cajueiro - Travessa Central do Sossego, 39 – Associação dos Moradores
- Buriti Congonhas - Rua Macunaíma, nº 209 – Vaz Lobo
- Marcílio Dias - Avenida Lobo Júnior, nº 83
- Acari – Rua Guaiuba, nº 210 A
- Rocinha – Ciep 303 Ayrton Senna da Silva - Autoestrada Engenheiro Fernando McDowell, nº 15 - São Conrado
- Parque Maré – Rua João Araújo, nº 117 – Associação de Moradores do Conjunto Rubens Vaz
- Brás de Pina - Rua 51, quadra D3 - Associação de Moradores da Santa Edwiges
- Queimados - Avenida Irmãos Guinle, 1497 - salas 104, 106 e 108 – Centro
- Vila Kennedy – Rua José Toledo de Oliveira, 255
- Jacarezinho- Rua Nossa Senhora das Graças, nº 128
- Nova Iguaçu - Rua Gelo 220

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages