Alunos de Mesquita visitam Escola Municipal de Artes da Chatuba - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

01/04/2022

Alunos de Mesquita visitam Escola Municipal de Artes da Chatuba

Foto: Bea Silva

O Dia do Circo é celebrado no dia 27 de março. Por isso, as cortinas da Escola Municipal de Artes da Chatuba foram abertas nesta última segunda-feira, dia 28, para receber a visita dos alunos da Escola Municipal Genair Ramos Gabriel, localizada na Chatuba. Ao todo, 77 crianças do turno da manhã e tarde partiram de transporte escolar e foram recepcionadas para uma imersão em diversas atividades da arte circense.

Ao longo do dia, os alunos puderam conhecer, de perto, as principais atividades realizadas em um picadeiro circense. Como, por exemplo, trapézio, acrobacias, monociclo e perna-de-pau. Acompanhadas de profissionais, elas também experimentaram cada atividade, na prática, e aprenderam sobre as suas técnicas.

Com isso, a relação da criança com a escola ganha uma nova percepção. Isso porque ampliar a avaliação do aluno para além da sala de aula é importante para, principalmente, incentivar a criança a encontrar suas potencialidades.

“A partir do circo, que também tem um teor educacional, nossa intenção é justamente mudar a relação que essas crianças têm com a escola”, explica Vania Abreu, diretora da unidade. “A escola avalia o cognitivo, a formação acadêmica. Com essa parceria, vamos avançar na avaliação e enxergar particularidades extracurriculares em cada uma”, complementa a subsecretária municipal de Educação, Monique Rosa.

Segundo Vania, o planejamento é de que 200 alunos da unidade façam parte do cronograma de visitação. Os grupos estão sendo divididos de acordo com o calendário escolar, incluindo turmas do 1º ao 5º ano e também o projeto “Avança, Mesquita”. Essa agenda começou no dia 28 e segue até segunda-feira, dia 4 de abril.

Para Vinicius Daumas, coordenador artístico e pedagógico da Escola Municipal de Artes da Chatuba, o circo e a escola, juntos, são aliados na educação. A relação de confiança e a criação de vínculos são intrínsecas no dia a dia nas atividades escolares, assim como na prática da arte circense. Ou seja, a comunicação, suas relações interpessoais e o senso de responsabilidade coletivo são explorados nessa ligação.

“Aqui, temos crianças que são alunas da rede pública municipal. Então, essas relações não se limitam ao espaço. Elas vão além, como para dentro de suas residências, para seus colegas de turma e demais vínculos sociais. O fato de serem crianças não significa que não possam ser exemplos nos seus círculos de convivência”, valoriza Vinicius.

Kléber Rodrigues, subsecretário da pasta, ainda reforça o desejo de ampliar essa ação para outras escolas do município. “Nós acreditamos que arte e educação devem caminhar juntas. Por isso, queremos transformar essa ação em uma prática pedagógica com outras escolas, para que todos tenham a oportunidade de ter esse contato”, revela.







Escola de Artes da Chatuba







Desde a sua inauguração, em 2019, a Escola Municipal de Artes da Chatuba é mais uma opção cultural e artística no município. Lá, são atendidos cerca de 200 alunos, distribuídos em atividades como arte circense, xadrez, danças urbanas, zumba, funcional, capoeira, jiu-jitsu, luta-livre e grafite.







A faixa etária atendida é a partir de 7 anos. Para se inscrever em uma das atividades, não é necessário ser morador de Mesquita. O atendimento é universalizado e recebe alunos de qualquer município. O espaço, inclusive, atende seis alunos internacionais.







Os interessados devem se dirigir até a sala de coordenação da Escola Municipal de Artes da Chatuba, que fica na rua Dr. Godoy 230. Os documentos necessários são RG, CPF e certidão de nascimento. No caso do aluno ser menor de idade, o responsável deve assinar um termo que autoriza a participação da criança nas atividades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages