Baixada Fluminense tem apenas um rabecão para remover corpos - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

14/04/2022

Baixada Fluminense tem apenas um rabecão para remover corpos


As cidades localizadas na Baixada Fluminense sofrem com uma situação, no mínimo, vergonhosa, e que aumenta o sofrimento de muitas famílias: a demora no recolhimento de corpos de pessoas vítimas de crimes ou acidentes nas regiões Metropolitana do Rio.

O problema é que o Corpo de Bombeiros não dá conta somente com um carro, diante da alta demanda de ocorrências.

"O governador Cláudio Castro sabe disso e se faz de desentendido. Eu já me deparei com um assassinato na minha rua em Nova Iguaçu. Tive que ir em outra cidade um pouco longe daqui, em Duque de Caxias e fiquei horas resolvendo algumas coisas particulares. Ao retornar para minha casa, o corpo ainda estava lá estirado na rua. Ou seja, por horas, a família acaba dobrando o sofrimento por conta desta humilhação. Contou um morador de Austin.

Problema parecido aconteceu a uma família no município de Queimados. De acordo outra denunciante, a irmã dela, de 28 anos, casada e mãe de três filhos, morreu em um acidente as 17h, mas o rabecão só chegou na ocorrência onde a morte aconteceu por volta das 21h.

É lamentável que nesta semana no município de Nova Iguaçu no Bairro de Miguel Couto, tivemos a morte de um rapaz. O rabecão como na maioria dos casos só chegou várias horas depois do acontecido, deixando familiares e amigos em uma tortura psicológica inexplicável, vendo um ente querido exposto no sol e na chuva por várias horas. Um descaso total com os familiares. Fica aqui a minha indignação. Ajudem compartilhando. Estamos sujeitos ao fato! Poderia ser você ou um membro da sua família. Pura descaso dos governos estadual e federal". Disse um morador

A informação de ter somente um rabecão foi confirmada pela polícia civil e o Corpo de Bombeiros. Existe a alegação que possuem duas viaturas, porém uma está parada para concerto.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Publicado em 13/04/2022

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

©2022 I Todos os direitos são reservados ao Jornal Destaque Baixada, conforme a Lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita sem autorização prévia são proibidas.

Pages