Mulher diz estar com coronavírus para ter prioridade em UPA e acaba presa no Rio - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

08/02/2020

Mulher diz estar com coronavírus para ter prioridade em UPA e acaba presa no Rio


Uma mulher chamou a atenção de toda equipe médica, que parou e precisou isolar toda área, pois a paciente havia dito que estava com a doença Coronavírus. O caso ocorreu na UPA de Copacabana, na Zona Sul do Rio, na sexta-feira (07/02).



Segundo informações, Claudete Maria Rosa da Silva, de 39 anos, disse ter voltado há três dias de Hong Kong. Após ela ter sido isolada, parentes foram chamados e disseram que ela nem passaporte tinha, ou seja, nunca viajou fora do país, e que a mesma inventou toda a história para ser atendida rapidamente. A polícia foi acionada e Claudete acabou presa, que confessou a falsa informação.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

08/02/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

cel

Post Bottom Ad

Pages