Presa mulher acusada de atear fogo e matar companheira em Nova Iguaçu - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

sábado, dezembro 11, 2021

Presa mulher acusada de atear fogo e matar companheira em Nova Iguaçu

Andrea morreu no Hospital da Posse, em Nova Iguaçu

Policiais civis prenderam nesta sexta-feira (10/12), uma mulher em cumprimento a um mandado de prisão preventiva pelo crime de homicídio. Segundo as investigações, ela é acusada de matar, no dia 17 de outubro deste ano, a sua companheira Andrea Silva de Jesus, crime ocorrido no bairro Kennedy, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

De acordo com os agentes da 58ª DP (Posse), a autora e sua companheira tiveram uma briga motivada por ciúmes. Logo depois da discussão, Andrea foi deitar e a acusada aproveitou o momento para jogar álcool e incendiar a vítima, sendo que o fogo se espalhou pela residência. Após pedir ajuda a familiares, que a socorreram, a própria vítima conseguiu esclarecer o ocorrido antes de falecer no Hospital Geral de Nova Iguaçu.

O crime foi praticado na frente do próprio filho da acusada, um adolescente que tem necessidades especiais e dificuldade de locomoção. A autora foi capturada na casa da irmã, no bairro Inhoaíba, na Zona Oeste da capital.

Ela foi encaminhada ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Publicado em 11/12/2021

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675


Pages