Ex-prefeito de Nova Iguaçu, Nelson Bornier é condenado por desvio de R$ 11 milhões da saúde - Jornal Destaque Baixada

DESTAQUE

PUBLICIDADE

10.28.2020

Ex-prefeito de Nova Iguaçu, Nelson Bornier é condenado por desvio de R$ 11 milhões da saúde



Nelson Bornier, ex deputado federal e prefeito de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, perdeu os direitos políticos, por oito anos e segundo a justiça, terá que devolver dinheiro aos cofres públicos. Conforme a justiça federal, Bornier foi um dos responsáveis por um esquema que desviou cerca de onze milhões de reais do sistema único de saúde, onde foi prefeito, entre 1998 e 2004.

A sentença contra o político, saiu treze ano depois que o Ministério Público Federal havia entrado com ação ação civil pública contra Bornier e segundo as investigações, ficou comprovado o desvio. O mesmo esquema, já havia sido investigado durante uma CPI na câmara de Nova Iguaçu, pelo tribunal de contas do Estado (TCE) e pelo próprio Ministério da Saúde. A sentença aplicada determina a suspenção de direitos políticos, pagamento de multa e a devolução do dinheiro. A nossa equipe não conseguiu contato com o político.

De acordo com decisão da Justiça Federal, o prejuízo aos cofres públicos ficou comprovado e a pena estipulada para o ex-prefeito foi a devolução de dinheiro, a suspensão dos direitos políticos por oito anos e o pagamento de multa. A sentença foi dada 13 anos depois de o Ministério Público Federal ter entrado com ação civil pública contra Bornier.

A investigação concluiu que o dinheiro era repassado pela prefeitura para hospitais e clínicas conveniadas com o SUS, mas não havia a comprovação dos atendimentos médicos. O esquema já havia sido investigado por uma CPI da Câmara de Vereadores de Nova Iguaçu, pelo Tribunal de Contas do Estado e pelo Ministério da Saúde.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

28/10/2020 
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, informe nossa equipe 21 97629-7675

Post Bottom Ad

Pages