Responsive Ad Slot

Mostrando postagens com marcador Chuva. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Chuva. Mostrar todas as postagens

Pedreira passa por vistoria e não apresenta risco no Shopping Nova Iguaçu, diz Defesa Civil

Nenhum comentário

domingo, janeiro 29, 2023


Ocasionado pela forte chuva que atingiu a cidade de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense na tarde de sábado, dia 28/1, houve o rolamento de algumas pedras na pedreira do Shopping Nova Iguaçu.


Após vistoria realizada pela Defesa Civil foi constatado que o incidente não oferece risco iminente, em especial por se tratar de uma área que possui isolamento de proteção.

O Shopping Nova Iguaçu, assim como os arredores do prédio, não foram atingidos, e uma nova vistoria será realizada ainda hoje na região. 


TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

SEGUE TAMBÉM NOSSO TIKTOK AQUI 

Frente fria provoca chuva volumosa e Rio entra em Estágio de Mobilização

Nenhum comentário

quarta-feira, setembro 28, 2022


O Rio entrou em estágio de Mobilização às 17h25 desta quarta-feira, dia 28 de setembro à previsão de chuva moderada e volumosa nas próximas 2 horas.

Situação atual:

Núcleos de chuva se deslocam da Região do Médio Paraíba e Baixada Fluminense para a cidade do Rio de Janeiro. Núcleos de chuva atuam sobre a cidade ocasionando chuva fraca e moderada.

O Estágio de Mobilização é o segundo nível em uma escala de cinco e significa que há riscos de ocorrências de alto impacto na cidade. Há possibilidade de nova mudança de estágio devido à chuva e/ou outros fatores.

Advogado que morreu na chuva levou descarga elétrica ao tentar ajudar outra pessoa na enchente em Mesquita

Nenhum comentário

domingo, abril 03, 2022


Um verdadeiro herói. O advogado Daniel Ribeiro Pessoa, morreu depois de levar uma descarga elétrica durante o temporal que atingiu diversas regiões do Rio e da Baixada Fluminense, na noite de sexta-feira (1/3).

Daniel viu uma pessoa no meio da enchente e decidiu tentar salva-la durante as fortes chuvas que atingiram o Município de Mesquita, porém ao encostar em um poste, ele acabou levando o choque e não resistiu. 

um motociclista ao ver que ele havia caído, correu para também tentar ajuda-lo, mas apesar do esforço, Daniel não resistiu, morreu antes mesmo da chegada dos socorristas.

O presidente da Seccional da OAB-RJ, Luciano Bandeira, decretou luto oficial de três dias.

"Estamos todos muito tristes com mais essa tragédia em nosso estado, temos acompanhado diversos casos fatais nos últimos temporais. Perdemos um colega que, de forma heroica, se esforçava para salvar outra vida. Em nome de toda a advocacia fluminense, presto solidariedade à família e aos amigos de Daniel". 

Inscrito na Subseção do Méier, Daniel tinha 38 anos e era pai de dois filhos, um de sete anos e outro de sete meses. Ao todo, o estado registrou nove mortos por causa das chuvas de sexta-feira.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

Publicado em 03/04/2022

Queimados decreta situação de emergência após fortes chuvas

Nenhum comentário

Em decreto publicado neste sábado (02) em caráter extraordinário, o prefeito Glauco Kaizer decretou Estado de Emergência nos locais afetados pelas fortes chuvas em Queimados.

Houve um registro acumulado pluviométrico de 122mm em 4h de chuva ocasionando danos de alagamentos e riscos de deslizamento e desmoronamento em 10 bairros - São Roque, Jardim Alzira, Santa Rosa, Valdariosa, Eldorado, Ponte Preta, Centro, São Jorge, Fazendinha, Vila Americana, deixando mais de 350 pessoas em situação de vulnerabilidade.

Para diminuir esse impacto, o decreto autoriza as seguintes medidas:

A mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem sob a coordenação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil - COMDEC, nas ações de resposta ao desastre e reabilitação do cenário e reconstrução.

A convocação de voluntários para reforçar as ações de resposta ao desastre e realização de campanhas de arrecadação de recursos junto à comunidade, com o objetivo de facilitar as ações de assistência à população afetada pelo desastre, sob a coordenação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil - COMDEC.

Além disso, os agentes ficam autorizados a realizarem as seguintes ações: penetrar nas casas, para prestar socorro ou para determinar a pronta evacuação; usar de propriedade particular, no caso de iminente perigo público, assegurada ao proprietário indenização ulterior, se houver dano.

A cidade segue em estágio de mobilização pelas próximas 72h a partir da publicação do decreto.

Frente fria está a caminho do Rio; previsão indica chuva, raios e ventos de até 76 km/h

Nenhum comentário

sábado, outubro 02, 2021

O Alerta Rio informou que, nesta sexta-feira (1/10), com o transporte de umidade e a atuação de áreas de instabilidade, há previsão de pancadas isoladas de chuva moderada no fim desta tarde. Raios e rajadas fortes de vento (52 km/h a 76 km/h) podem ocorrer à noite. Os modelos numéricos de previsão do estimam que chova, em média menos que 5 mm para este período. 

No sábado (2), durante a tarde e a noite, áreas de instabilidade ainda vão atuar sobre a região Sudeste e manterão o tempo instável. Há previsão de pancadas de chuva de intensidade moderada e com raios. Os modelos numéricos de previsão do tempo estimam que chova, em média e para todo o município, menos que 10 mm para este dia. 

No domingo (3/), uma nova frente fria vai se aproximar e poderá provocar pancadas de chuva de intensidade moderada, com raios e rajadas moderadas de vento (18,5 km/h a 51,9 km/h), durante a tarde e a noite. 

Os modelos numéricos de previsão do tempo estimam que chova, em média e para todo o Rio, menos que 10 mm neste dia. Na segunda-feira (4/10), a passagem desta frente fria manterá o tempo instável, com chuva fraca a moderada,

isolada, durante a tarde e a noite. Os ventos estarão moderados a fortes (18,5 km/h a 76 km/h). Os modelos numéricos de previsão do tempo estimam que chova, em média e para toda a cidade, cerca de 5 mm para este dia.

Na terça-feira (5/10), o transporte de umidade do continente para o oceano ocasionará chuva fraca a moderada, isolada, a qualquer momento do dia. Os modelos numéricos de previsão do tempo estimam que chova, em média e para toda a capital, menos que 10 mm para este dia.

Chuva forte deixa ruas, casas e comércios alagados em Guapimirim

Nenhum comentário

sábado, março 13, 2021


GUAPIMIRIM -
Várias ruas ficaram alagadas com a forte chuva que atingiu Guapimirim e região na tarde deste sábado. Um dos bairros mais atingidos foi o Paiol, onde houve inundações em ruas, comércios e casas. Vários carros ficaram ilhados.

Algumas residências e comércios tiveram prejuízos com a enchente. Até a publicação desta reportagem, não havia informações sobre feridos ou desabrigados. A Defesa Civil segue acompanhando as ruas da cidade.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

13/03/2021

Homem e crianças são resgatados de carro ilhado durante alagamento em São João de Meriti

Nenhum comentário

domingo, março 07, 2021


SÃO JOÃO DE MERITI - A forte chuva que atingiu o Rio e também a Baixada Fluminense, na noite de hoje causou diversos alagamentos. Em São João de Meriti, na região conhecida pelos alagamentos, rapidamente se transformou em um rio. Um carro foi arrastado pela água no 'buraco do prefeito'. Um homem e duas crianças que estavam no veículo ilhado, foram regatados por populares.

Outras avenidas importantes também foram inundadas pela forte chuva, como o centro de Duque de Caxias, onde a prefeitura emitiu um alerta, deixando a cidade em estagio de atenção. (Veja o vídeo).


TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

07/03/2021

Chuva volta a alagar ruas e casas na Baixada Fluminense

Nenhum comentário

sexta-feira, dezembro 25, 2020


Um temporal atingiu o Rio e cidades da Baixada Fluminense, nesta sexta-feira (25). A pancada de chuva se estendeu por horas e causou transtornos. Ruas ficaram alagadas, trazendo transtornos no natal aos motoristas e moradores. 

A enxurrada também invadiu casas. Apesar dos transtornos causados, até a publicação desta reportagem, ninguém havia se ferido ou ficado desalojado durante o temporal. As cidades afetadas são em Queimados, Japeri, Magé, Nova Iguaçu, Belford Roxo, Nilópolis e Duque de Caxias.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

25/12/2020 

Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Temporal deixa mulher morta e mais de 100 famílias desalojadas em Duque de Caxias

Nenhum comentário

quinta-feira, dezembro 24, 2020


DUQUE DE CAXIAS - Uma mulher morreu na cidade de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, por causa da forte chuva, que atingiu a cidade ontem (22). No distrito de Xerém, a enxurrada saiu arrastando tudo e inclusive uma mulher chegou a ser arrastada. No local, três casas desabaram e três carros foram arrastados com a força das águas. pelo menos 150 família ficaram desabrigadas.

Fátima Marina Fernandes, de 61 anos, foi arrastada pela correnteza e não resistiu. Inicialmente, a prefeitura havia informado que duas mulheres haviam morrido, porém mais tarde, a informação foi corrigida. A chuva também provocou enchentes em outros municípios da Baixada, como Nova Iguaçu, Queimados, Japeri, Magé e Guapimirim.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

24/12/2020 

Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Temporal deixa ruas alagadas em bairros de Japeri

Nenhum comentário

terça-feira, dezembro 22, 2020


JAPERI - Ruas de diversos bairros da cidade de Japeri, na Baixada Fluminense ficaram alagadas durante um temporal que atingiu a cidade, na tarde e desta terça-feira (22/12).

Algumas lojas e casas foram invadidas pela água em Engenheiro Pedreira e a prefeitura, até a publicação desta reportagem, não havia se manifestado para comentar sobre o assunto. Não há informações sobre desabrigados.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

22/12/2020 

Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Casas desabam, veículos são arrastados e uma pessoa morre durante temporal em Caxias

Nenhum comentário

DUQUE DE CAXIAS -  Uma forte chuva atingiu a cidade de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, durante a tarde desta terça-feira (22/12). Segundo o superintendente municipal de Defesa Civil, André Xavier, “a chuva provocou, até o momento, um óbito, cuja vítima ainda não foi identificada, e o desabamento de três casas. Além disso, três veículos também foram levados pela enxurrada. A localidade mais atingida até agora é o distrito de Xerém, em especial os bairros Carreteiro e Santo Antônio. Sirenes de alerta chegaram a ser acionadas”. 

Equipes da Defesa Civil estão percorrendo a cidade e acompanham as primeiras ocorrências registradas. O órgão orienta que, em caso de emergência, os moradores busquem locais seguros.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

22/12/2020 

Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Em poucos minutos, chuva causa alagamentos em cidades da Baixada Fluminense

Nenhum comentário
A chuva caiu em pontos isolados

A Baixada Fluminense, foi atingida por fortes chuvas, na manhã desta terça-feira (22), que em poucos minutos, causou diversos pontos de alagamento nas cidades da região. A previsão é de que continue chovendo nos próximos dias. Os pontos de alagamentos foram registrados em Duque de Caxias, São João de Meriti e Belford Roxo.

De acordo com os meteorologistas, o deslocamento de uma frente fria pelo oceano manterá tempo instável no Rio. Previsão de Pancadas de chuva moderada, a qualquer momento do dia, sendo forte em pontos isolados. A chuva pode vir acompanhada de raios e de rajadas de ventos moderados a forte, principalmente a partir da tarde de hoje. Máxima prevista de 30ºC no Rio.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

22/12/2020 

Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Casal com bebê fica preso em alagamento e abandona carro em Duque de Caxias

Nenhum comentário

terça-feira, dezembro 08, 2020


DUQUE DE CAXIAS -
A forte chuva que caiu sobre o Rio e a Baixada Fluminense, na noite desta segunda-feira (7) e acabou se estendendo para a madrugada desta terça (7), trouxe muita dor de cabeça, não só para moradores, mas também para os motoristas, que tentavam chegar em casa. 

Em duque de Caxias, na Baixada, carros chegaram a ficar boiando. Uma câmera de segurança registrou na Rua Doutor Manoel Telles, no Centro, um carro branco que ficou ilhado na água. Um casal estava com o filho bebê no carro e precisou sair no meio da enchente com o filho no colo. Depois do susto, eles se abrigaram num condomínio até a água escoar.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

08/12/2020 
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Defesa Civil emite alerta para risco de deslizamentos na Baixada Fluminense devido às chuvas

Nenhum comentário

terça-feira, setembro 22, 2020


A Defesa Civil emitiu um alerta para risco de deslizamento nas cidades da Baixada Fluminense. Com o solo já saturado por conta das chuvas recentes, as chances de ocorrências de deslizamentos aumentam. As regiões que estão em alerta são, os bairros de Santa Amélia, Santa Rita. Parque Amorim, Parque Fluminense e Nova Aurora em Belford Roxo.

Já em Itaguaí, o bairro 25 de dezembro a água subiu tanto que a ponte chegou a sumir. Já bairro Santana água invadiu ruas e casas. Confira os sinais que indicam perigo abaixo. Os outros demais municípios mesmo não sendo notificados, também estão em alerta.

Primeiros sinais de perigo

No solo: trincas no terreno, degraus de abatimento ou rachaduras

Em casa: trincas novas no piso ou nas paredes, ou muros estufados

Inclinação de árvores, postes ou muros

Valas e surgências d'água com coloração mais barrenta que o normal

Estalos ou aumento das trincas em blocos ou paredões rochosos. 

Caso de emergência ligue 199/2761-0588

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

22/09/2020 
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Nova Iguaçu decreta situação de emergência após chuvas

Nenhum comentário

quinta-feira, março 05, 2020


Acidade de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense decretou, nesta quinta-feira (5), Situação de Emergência por causa do temporal do último fim de semana, que atingiu cerca de 334 mil pessoas, direta ou indiretamente, em 37 bairros e sub-bairros do município.



Equipes de diferentes secretarias municipais e também da Empresa de Limpeza Urbana (Emlurb) e voluntários vêm atuando no auxílio à população e na limpeza das ruas, rios e canais que cortam as localidades atingidas. Agentes da Defesa Civil e da Assistência Social seguem visitando as casas danificadas pelo temporal. De acordo com o balanço divulgado nesta quarta-feira (4), já foram atendidas 431 famílias. Onze pessoas ainda estão desabrigadas e 14 desalojadas.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

05/03/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Itaguaí continua alagada quatro dias após as chuvas

Nenhum comentário

quarta-feira, março 04, 2020


A cidade de Itaguaí, na Baixada Fluminense registrou um volume de 235 milímetros de chuva na madrugada de sábado para domingo. Além do absurdo índice pluviométrico que atingiu o município como um todo, Itaguaí sofre por sua peculiaridade topográfica. A cidade é localizada em uma baixada, cercada por Serras, com escoamento para o mar. No domingo (01/03), o alto índice pluviométrico e a maré alta, que atingiu 1,20m, impediram e impedem ainda o escoamento da água. Neta quarta-feira (04) a água ainda não havia abaixado, impedindo muita gente de poder voltar para casa.



As pessoas que foram afetadas pelas fortes chuvas e estiverem em situação de vulnerabilidade social devem procurar um dos CRAS da cidade (ver endereços abaixo). Os equipamentos funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A Prefeitura, com o apoio do Governo do Estado do Rio de Janeiro, presta toda a assistência necessária tanto nos bairros quanto nos pontos de apoio e nos CRAS. Para os casos de emergência, a Defesa Civil de Itaguaí disponibiliza o telefone 3781-3519.



Lista de CRAS

- CRAS Brisamar - Rua Adalgisa Lemos, S/N – Vila Geni
- CRAS Califórnia - Rua Joaquim Nabuco, 21 – Ibirapitanga
- CRAS Engenho - Rua Ari Parreiras, 1.560, Lt 02, Qd 134 – Engenho
- CRAS Mazomba - Estrada de Mazomba, 3.623 – Mazombinha
- CRAS Centro - Rua Maria Soares da Silva, 314 – Parque Independência
- CRAS Chaperó - Estrada de Chaperó, S/N – Chaperó
- CRAS Praça CEU – Rua Décio Muniz Silva Filho, Gleba B – Chaperó

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

04/03/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Casas são interditadas pela Defesa Civil após deslizamento em Duque de Caxias

Nenhum comentário

Quatorze casas no bairro Vila Canaã, no terceiro distrito de Duque de Caxias, foram interditadas na manhã desta quarta-feira (4) pela Defesa Civil Municipal depois um deslizamento de barreira na localidade Beco dos Paraíbas. Desde as primeiras horas da manhã, equipes das Secretarias de Obras e Limpeza Urbana, Saúde e Defesa Civil, Assistência Social e Direitos Humanos estão trabalhando na região. Para atender às famílias foi aberto um ponto de apoio em uma igreja do bairro.



Em Xerém, no quarto distrito, sirenes foram acionadas pela Defesa Civil Municipal para alertar a população das chuvas fortes, mas não foram registrados atendimentos. O Colégio Estadual Alemy Tavares da Silva está colaborando fornecendo alimentação para os moradores e para os trabalhadores que necessitarem. No local, também estão atuando o Departamento de Recursos Minerais (DRM-RJ), através do Núcleo de Análise e Diagnóstico de Escorregamentos (NADE) e técnicos da Defesa Civil Estadual.



Para limpeza das ruas afetadas pela queda de barreira e pela enxurrada a Secretaria Municipal de Obras está mobilizando cerca de 200 trabalhadores, além de máquinas, caminhões basculante e vacall para desobstrução das vias e das redes de escoamento de águas pluviais no local da ocorrência. No domingo e na segunda-feira, na mesma região, foram registrados deslizamentos de terra e a mobilização de várias secretarias de governo. O trabalho está sendo acompanhado de perto pelo secretário municipal de Obras João Carlos Grilo.



A sede da Defesa Civil Municipal, que fica na Rua Silva Fernandes, nº 170, no Parque Duque, está recebendo doações que são encaminhadas às famílias necessitadas. Na Vila Canaã as doações podem ser entregues na Igreja Assembleia de Deus que está funcionando como ponto de apoio aos moradores. Em caso de emergência, a população deve solicitar atendimento através dos telefones 193 (Corpo de Bombeiros), 199 e 08000 230 199 (Defesa Civil). As equipes estão de prontidão.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

04/03/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Seropédica continua alagada; mais de 20 mil pessoas foram atingidas pela enchente

Nenhum comentário

terça-feira, março 03, 2020


SEROPÉDICA - Várias casas e quintais foram invadidos pela água suja na Cidade de Seropédica, na Baixada Fluminense, durante uma forte chuva que teve início na noite de sábado segunda-feira (29). Moradores tiveram que levantar móveis e alguns ficaram ilhados esperando a água escoar, o que ainda não aconteceu. 



O Marceneiro Carlos Gomes passou várias horas ajudando vizinhos a protegerem os móveis e evitar perdas. Nesta terça-feira (03/03) ruas e casas continuam alagadas no Km 40. Até a publicação desta matéria, não havia informações sobre feridos.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

03/03/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Itaguaí decreta estado de calamidade pública

Nenhum comentário

segunda-feira, março 02, 2020

Prefeitura decreta estado de calamidade em Itaguaí
A Prefeitura de Itaguaí informa que montou nove pontos de apoio, hoje reduzidos a quatro, desde as primeiras horas de domingo (01/03) para atender a população afetada pelas fortes chuvas que atingem o município. Foram disponibilizados mais de 500 profissionais das diversas áreas como Educação, Segurança, Defesa Civil, Trânsito, Assistência Social, Saúde, Meio Ambiente, Ordem Pública, Obras, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, entre outros, sem contar o número incalculável de voluntários.



Nos pontos de apoio, as equipes prestam todo o auxílio necessário e realizam a orientação de como proceder para as famílias. As equipes de campo enfrentam a catástrofe de frente. Também foi montado uma Central de Recebimento de Donativos no prédio das Secretarias Municipais de Educação e Cultura, Saúde e Assistência Social (Avenida Prefeito Isoldakson Cruz de Brito, nº 18.745, Vila Margarida).

Até o momento, 82 famílias desabrigadas ou desalojadas foram cadastradas e estão recebendo o apoio da Prefeitura, mas o número deve crescer. Já foram atendidas mais de 1.000 mil pessoas em toda a cidade. Nos pontos de apoio são distribuídos kits de limpeza, cesta básica, galões de água, colchões, além do material doado no Centro de Recebimento de Donativos.



Além do material fornecido pela Prefeitura, o Governo do Estado do Rio de Janeiro disponibilizou 100 kits de limpeza, 150 cestas básicas e 100 galões de água para atender a população. A cidade registrou um volume de 235 milímetros de chuva na madrugada de sábado para domingo. Os bairros mais afetados foram Jardim Weda, Chaperó, Santa Cândida, Teixeira, Coroa Grande, Ilha da Madeira, Engenho, Piranema, Jardim América, Monte Serrat, Brisamar, Leandro e Santana.

Além do absurdo índice pluviométrico que atingiu a cidade como um todo, Itaguaí sofre por sua peculiaridade topográfica. A cidade é localizada em uma baixada, cercada por Serras, com escoamento para o mar. No domingo (01/03), o alto índice pluviométrico e a maré alta, que atingiu 1,20m, impediram e impedem ainda o escoamento da água.



O trabalho da Prefeitura continua ininterruptamente. A Defesa Civil informa que a cidade continua em estado de alerta, pois há previsões de fortes chuvas na madrugada de segunda para terça-feira. A Defesa civil disponibiliza o telefone 3781-3519 para os casos de emergência.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

02/03/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp

Capital e Baixada Fluminense podem enfrentar novos temporais ainda mais intensos

Nenhum comentário

O Sistema Alerta Rio registrou, da 0h de domingo (01/03) às 8h desta segunda-feira (02/03), choveu mais da metade da média para o mês de março. Choveu quase o equivalente ao mês todo em 32 horas: acumulado de 154,6mm quando a média na estação é de 155,3mm para o mês de março, ou seja 99,5%). Em Queimados, na Baixada Fluminense, 177 milímetros de chuvas foram registrados em toda a cidade durante as últimas 48 horas. Por conta deste intenso volume de água, foram contabilizados diversos pontos de alagamentos, cinco deslizamentos, seis quedas de árvores e três muros desabados.



O Rio segue em estágio de alerta desde domingo e ainda pode chover forte nesta segunda-feira (02). Segundo o sistema, até a próxima quinta-feira, ainda há condições para a formação de núcleos de chuva moderada sobre o Rio, podendo a mesma ser forte em curtos períodos de tempo. Os rios ainda apresentam grandes volumes e quem mora próximo dessas regiões deve ficar atento. Segundo a Defesa Civil, no momento, há 29 sirenes acionadas.

TEM INSTAGRAM? SEGUE A GENTE CLICANDO AQUI

02/03/2020
Compartilhe nas redes sociais e grupos de WhatsApp
Don't Miss
© 2015 - 2022 Jornal Destaque Baixada. Todos os direitos reservados
Destaque Baixada Jornal para ler e compartilhar